Repórter News - reporternews.com.br
Cidades/Geral
Quarta - 25 de Agosto de 2010 às 13:52

    Imprimir


O Sindicato que representa os trabalhadores da construção civil de Cuiabá e região (SINTRAICCCM) mediou, nesta segunda-feira (23) um acordo entre a construtora D.Tomaz e trabalhadores da empresa.
 
O sindicato foi procurado pelos trabalhadores que reivindicam reajuste salarial e acusavam o empregador de fazer descontos salariais inexistentes e dar faltas para funcionários mesmo quando estes apresentavam atestados médicos.

Procurada pelo sindicato, a empresa alegou ter pedido para conversar individualmente com cada trabalhador, pedido que foi recusado. Como resposta, a empresa deu falta a todos que reivindicavam. A empresa ainda afirmou que paga corretamente horas extras e férias e que alguns empregados se atrasavam ou saíam mais cedo do expediente.

Após a conversa entre as duas partes, o presidente do sindicato laboral, Joaquim Santana,  alertou sobre os deveres e direitos de ambas as partes e propôs um acordo, que foi fechado.  As bonificações serão pagas aos funcionários e a falta ocorrida devido à reunião foi retirada pela construtora. O salário, que era de pouco mais de R$ 500 passará a R$650 com as bonificações, desde que os empregados cumpram com os horários combinados e não faltem ao trabalho por motivos banais.






Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/117653/visualizar/