Publicidade
Repórter News - reporternews.com.br
Politica MT
Segunda - 05 de Agosto de 2013 às 18:57
Por: Jardel P. Arruda

    Imprimir


O prefeito Natanael Casavechia (DEM), acusado de uma suposta fraude em uma licitação para compra de maquinário pela Prefeitura de São José do Rio Claro, rebateu o vereador Adeilson Correa (PTB) e afirmou que o petebista está fazendo isso para tentar extorquir dinheiro público.


 
“O Adeilson Correa quer extorquir dinheiro. Ele era acostumado a fazer isso antes. Ele não se conforma de eu não estar dando dinheiro”, disparou o prefeito, em entrevista ao Olhar Direto. “Quem conhece o Adeilson sabe do que estou falando”, completou.


 
Natanael Casavechia está sendo investigado pelo Ministério Público Estadual (MPE) e pelo Grupo de Atuação Especial contra o Crime Organizado (Gaeco), após Adeilson Correa denunciar suposto direcionamento da licitação de compra de maquinários no valor de R$ 1.252 milhão.


 
O vereador registrou em cartório, com 60 dias de antecipação, o resultado da licitação. Ele também documentou que o prefeito revelou isso, em uma reunião com vários outros vereadores, já ter fechado negócio com a vencedora do certame, a Copermáquinas, no dia 23 de Maio. Por isso, Natanael seria gratificado em mais de R$ 100 mil.


 
“Não sei da onde ele tirou isso. O processo todo está lá para todos verem. De maneira alguma a licitação foi direcionada”, afirmou o prefeito. Ele afirma que já enviou cópia do todo o procedimento ao Ministério Público, como solicitado. “Não tenho nada a esconder”.


 
De acordo com Natanael, o fator decisivo para a vitória da Copermaquinas foi a condição de pagamento oferecida. A empresa seria a única a permitir o parcelamento da compra em 24 vazes. “Foi aberta a outras concorrentes e todos tiveram igualdade na disputa, mas só eles ofereceram isso”, concluiu. 





Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/13159/visualizar/