Publicidade
Repórter News - reporternews.com.br
Policia MT
Quinta - 11 de Fevereiro de 2010 às 07:00
Por: Adilson Rosa

    Imprimir


Divulgação/Polícia Militar
Wagner Raí Ramos, de 19 anos, era um dos principais procurados, acusado de liderar bando
Wagner Raí Ramos, de 19 anos, era um dos principais procurados, acusado de liderar bando

Policiais militares do Serviço de Inteligência do 3º Batalhão prenderam três integrantes de uma quadrilha suspeita de ter praticado dezenas de assaltos a casas de bairros de classe média da Capital. Com eles, foram apreendidas mais de 40 munições de calibre 32, além de um revólver calibre 38. Eles estavam acompanhados de duas mulheres. A prisão ocorreu ontem à tarde, na entrado do bairro Pedregal, após seis meses de investigações.

Entre os presos está Wagner Raí Ramos, de 19 anos, procurado pela polícia desde agosto do ano passado. Além dele, os policiais prenderam também Marcelo de Arruda Gorgete, de 25, e Luix Carlos de Arruda Carvalho. Wagner estava com a munição e pilotando uma motocicleta Honda azul.

O criminoso foi reconhecido num assalto ocorrido no início deste ano, no bairro Renascer, onde os ladrões renderam uma família às 7 horas, no momento em que saía para trabalhar. Os ladrões fugiram numa S 10, mas bateram o carro. Reconhecido pelas vítimas, Wagner foi procurado no bairro Campo Verde. Na quitinete dele, os policiais localizaram os produtos roubados. Por pouco não foi preso - ele fugiu pulando o muro dos fundos.

Segundo os policiais, ontem à tarde, eles receberam uma denúncia de que Wagner estaria se deslocando até o Pedregal numa moto azul com uma mulher na garupa. “Ficamos, então à espera, mas ele (Wagner) percebeu nossa aproximação e tentou fugir. Fizemos o cerco e o abordamos. Com ele, encontramos a munição”, explicou um dos policiais que participou da prisão.

Wagner confirmou aos PMs que praticou vários assaltos e apontou os cúmplices - Luiz Carlos e Marcelo. Na casa de Luiz Carlos, no Renascer, os policiais apreenderam 38 munições calibre 22. Com Marcelo, foi apreendido o revólver e, também R$ 1.050 que estavam escondidos numa divisória do guarda-roupa. A arma foi roubada de uma empresa de segurança, assaltada recentemente.

Na casa de Marcelo estava uma garota, também levada para a Delegacia do Complexo do Planalto, onde os rapazes foram autuados em flagrante: Wagner, por porte irregular de munição, assim como Luiz Carlos. Marcelo, por porte ilegal de arma.

Conforme os policiais, desde agosto o Serviço de Inteligência vinha realizando levantamentos a respeito de Wagner que, em companhia de outros integrantes do bando, vinha assaltando residências, principalmente nos bairros Santa Cruz, Boa Esperança, Três Américas, Jardim Itália e Renascer.

Algumas vítimas haviam reconhecido Wagner através de fotos, facilitando o trabalho dos policiais. “A partir daí, intensificamos o trabalho, mas não conseguíamos encontrá-lo. Mas, agora, está fora de circulação”, disse um dos policiais.

Com a prisão de Wagner, policiais da Delegacia do Planalto acreditam que poderão esclarecer dezenas de assaltos a casas de bairros próximos, principalmente praticados durante o dia. “É uma característica do bando. Aproveitavam que as vítimas saíam para trabalhar para poder atacar. Com a prisão, muitas vítimas deverão procurar a delegacia”, observou um policial plantonista.






Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/143036/visualizar/