Repórter News - reporternews.com.br
Cidades/Geral
Quarta - 13 de Janeiro de 2010 às 23:30
Por: Marcia Andreola

    Imprimir


Policiais militares de Mato Grosso e de outros estados que participaram de mobilizações por reinvidicações salariais e melhores condições de trabalho entre os anos de 2002 e 2008 e que haviam, por isso, sido excluídos das suas respectivas Corporações terão que ser readmitidos e voltar aos quadros da Policia Militar.

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva sancionou nessa quarta-feira (13) a lei que anistia os policiais acusados de participar de movimentos de paralisação. Conforme o estatuto da Polícia Militar os policiais são proibido de fazer greve ou qualquer outro tipo de mobilização. Com a anistia, cerca de 80 policiais serão reitegradas à PM de Mato Grosso. A anistia vale tanto para os que já foram excluídos, como para aqueles que ainda respondem a processo por acusação de envolvimento nos movimentos de greve.

Em Mato Grosso, os policiais foram excluídos acusados de participar de uma greve ocorrida em 2008. De lá para cá, tanto a Associação dos Sub-tenentes e Sargentos, como a Associação das Mulheres da Família Miliciana de Rondonópolis e de Barra do Garças fizeram várias articulações para garantir que os policiais afastados pudessem retornar às atividades.

“Quando começaram os processos de expulsão o senador Garibaldi entrou com um pedido de anistia para os policiais de Pernambuco e mais cinco estados haviam feito o mesmo. Mato Grosso ficou de fora e quando as associações ficaram sabendo desse movimento em Brasília me procuraram e corremos atrás. Felizmente conseguimos correr contra o tempo e incluir os policiais de Mato Grosso nessa anistia. Entendemos que essa é uma vitória importante para esses trabalhadores”, comemora a senadora Serys Slhessarenko. 






Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/146087/visualizar/