Publicidade
Repórter News - reporternews.com.br
Meio Ambiente
Terça - 21 de Julho de 2009 às 19:30

    Imprimir


A Nasa confirmou que Júpiter foi atingido por um objeto não identificado que causou um impacto semelhante ao tamanho da Terra, depois que um astrônomo amador apontou a anomalia à agência espacial norte-americana, informou a revista "New Scientist" em seu site, nesta terça-feira (21). Júpiter é 11 vezes maior que a Terra.

O impacto causado na região polar sul do maior planeta do Sistema Solar é visível numa foto que acompanha o artigo da revista especializada. Parece uma mancha clara sobre a superfície mais escura de Júpiter.

"Está excluído que [o impacto] se deva a um dos fenômenos meteorológicos que observamos habitualmente sobre Júpiter", disse Glenn Orton, astrônomo da Nasa, que confirmou a existência do impacto depois de tê-lo observado e analisado com a ajuda de um telescópio infravermelho situado no Havaí.

O primeiro a ter detectado o fenômeno foi um astrônomo amador australiano, Anthony Wesley, que se comunicou com Orton, da Nasa, depois de realizar a surpreendente descoberta.

É a primeira vez desde 1994 que se observa um impacto sobre a superfície do planeta, cuja atmosfera está saturada de gás. Em julho de 1994, 21 pedaços do cometa Shoemaker-Levy 9 caíram sobre Júpiter.

Mas, desta vez, Glenn Orton disse não ter a menor ideia da natureza do objeto que colidiu com Júpiter.

Leigh Fletcher, outro astrônomo da Nasa, explicou à "New Scientist" que "o impacto tem aproximadamente o mesmo tamanho que a Oval BA, uma das tempestades que atingem Júpiter. E esta tempestade tem o mesmo diâmetro que a Terra".





Fonte: AFP

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/156898/visualizar/