Publicidade
Repórter News - reporternews.com.br
Economia
Terça - 08 de Julho de 2008 às 18:15
Por: Ligiani Silveira

    Imprimir


Com o suporte necessário da Secretaria de Fazenda de Mato Grosso (Sefaz/MT), a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) passará a emitir Nota Fiscal Eletrônica (NF-e), a partir do dia 1º de agosto, para documentar suas transações comerciais tributadas pelo Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços (ICMS).

A Conab estava obrigada a substituir a nota fiscal em papel, modelos 1 e 1A, pela NF-e a partir do dia 1º de abril. Contudo, a empresa solicitou, junto à Sefaz, a prorrogação do início da obrigatoriedade de emissão da nota eletrônica, com a alegação de que estava com dificuldades para implementar, em tempo hábil, as adequações necessárias nos seus sistemas de informação para cumprir a obrigação acessória de emissão do documento eletrônico. A Secretaria de Fazenda, então, analisou o pedido e concedeu a dilação de prazo.

A Sefaz esteve e estará à disposição para prover todas as informações necessárias para a implantação e continuidade operacional do sistema. O Projeto da NF-e é uma iniciativa da Secretaria da Receita Federal em parceria com as Secretarias de Fazenda dos Estados e grandes empresas voluntárias.

A sistemática traz benefícios efetivos a contribuintes, contabilistas e administrações tributárias, como redução de custos de impressão e aquisição de papel; simplificação de obrigações acessórias, como, por exemplo, dispensa de Autorização para Impressão de Documentos Fiscais (AIDF); e diminuição da sonegação e aumento da arrecadação.

A validade jurídica, a integridade dos dados e a autoria do emissor da Nota Fiscal Eletrônica são garantidas pela assinatura digital do emitente e recepção, pelo Fisco, antes da ocorrência do Fato Gerador. A declaração fiscal da operação comercial realizada entre duas empresas ocorre eletronicamente com a Fazenda Estadual, que autoriza (ou rejeita) a Nota Fiscal Eletrônica.





Fonte: Sefaz-MT

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/177171/visualizar/