Publicidade
Repórter News - reporternews.com.br
Economia
Segunda - 07 de Julho de 2008 às 20:59

    Imprimir


O presidente da APMPE (Associação Brasileira dos Pequenos Produtores de Energia Elétrica), Ricardo Pigatto, disse nesta segunda-feira que o Brasil demandará nos próximos 15 anos investimentos de R$ 140 bilhões para a construção de PCHs (Pequenas Centrais Hidrelétricas). Pigatto participou hoje de audiência pública na Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) para debater mudanças nas regras para autorização das usinas.

Segundo o presidente, esse valor corresponde ao necessário para construir usinas que somarão 28.123 MW, dos quais mais de 10.000 MW já foram identificados. Pigatto teme, no entanto, que algumas modificações propostas na resolução da Aneel possam afastar investidores interessados. Ele reclama, por exemplo, da proibição de que a empresa responsável pelo projeto de viabilidade tenha mais do que 20% de participação na sociedade que construirá a usina.

"Nossa preocupação é que possa haver desestímulo a novas prospecções", disse.

O presidente da Aneel, Jerson Kelman, disse que a intenção das novas regras é evitar que empresários que ganham a concessão não construam a usina. Muitas vezes, a concessão é revendida e usada para especulação financeira.

Além disso, a nova resolução prevê a redução do tempo de tramitação do processo dentro da agência.

"O objetivo é fazer com que o processamento dos pedidos de autorização de PCH dentro da Aneel se dê de forma célere e eficaz, evitando o represamento de projetos que atualmente, lamentavelmente, existe", disse.





Fonte: Folha Online

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/177286/visualizar/