Repórter News - reporternews.com.br
Educação/Vestibular
Terça - 04 de Dezembro de 2007 às 17:29
Por: Simone Harnik

    Imprimir


O número de bolsas de estudos oferecidas no Programa Universidade para Todos (ProUni) do Governo federal caiu 2,5% para o primeiro semestre de 2008, quando comparado ao número oferecido para o mesmo período de 2007. Estão disponíveis atualmente 105.953 benefícios, 2.689 a menos do que no ano passado.

De acordo com a assessoria de imprensa da Secretaria de Educação Superior do Ministério da Educação (MEC), a flutuação do número de bolsas ofertadas depende das instituições particulares que se cadastram no programa. As bolsas para o primeiro semestre de 2008 são oferecidas em 1.416 instituições de ensino superior. No primeiro semestre de 2007, 1.427 instituições participaram do programa.

As maiores quedas no número de bolsas aconteceram nos estados do Piauí (eram 726 bolsas e passaram a ser 537, com 26% de diminuição de benefícios); no Rio de Janeiro, com perda de 1.661 benefícios (o que corresponde a um decréscimo de 24,7% do total ofertado em 2007); e no Tocantins, com menos 104 bolsas ofertadas, o que significa menos 21,8% do que era oferecido para o ano de 2007.

Em 12 estados houve crescimento no número de bolsas oferecidas. O Amapá foi quem teve o maior número de benefícios criados, com aumento de 82,1% no total de bolsas do primeiro semestre de 2007 (passou de 117 para 213). Em segundo lugar, aparece Pernambuco (com 39,5% de aumento) e, em terceiro, Mato Grosso do Sul, com 29,6% de crescimento nas bolsas ofertadas.

Inscrições

Os interessados no programa devem se inscrever pelo site do ProUni até as 21h do dia 14 de dezembro. O candidato tem de escolher as opções de instituições de ensino superior, cursos e turnos, dentre as disponíveis. A divulgação do resultado está prevista para o dia 19 de dezembro.

Todas as instituições participantes do ProUni devem oferecer acesso gratuito à internet para os estudantes que desejarem se inscrever. Além disso, o candidato conta com uma Rede de Parceiros, com endereços disponibilizados no site do programa e por meio do telefone 0800-616161.

O ProUni é um programa do Governo Federal que oferece bolsas integrais e parciais em instituições de ensino superior privadas. As bolsas integrais são para estudantes com renda familiar, por pessoa, de até um salário mínimo e meio (R$ 570). As parciais, de 50% da mensalidade, são para estudantes com renda familiar, por pessoa, de até três salários mínimos (R$ 1.140). O ProUni também oferece bolsas de 25% para estudantes com renda familiar, por pessoa, de até três salários mínimos para cursos com mensalidade de até R$ 200.

Só pode se candidatar, o estudante que participou do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2007 e obteve nota mínima de 45 pontos (média aritmética entre as provas de redação e conhecimentos gerais). Os resultados do Enem são usados como critério para a distribuição das bolsas de estudos. Assim, os estudantes que alcançarem as melhores notas no exame terão maiores chances de escolher o curso e a instituição em que estudarão. Confira o resultado do Enem aqui.

Outros requsitos para se inscrever no ProUni são:

ter cursado o ensino médio completo em escola pública; ou ter cursado o ensino médio completo em escola privada com bolsa integral; ou ter cursado o ensino médio parcialmente em escola da rede pública e parcialmente em instituição privada, na condição de bolsista integral da respectiva instituição; ou ser portador de deficiência; ou ser professor da rede pública de ensino básico, em efetivo exercício, integrando o quadro permanente da instituição e concorrendo a vagas em cursos de licenciatura, normal superior ou pedagogia. Neste caso, a renda familiar por pessoa não é considerada.

Confira no site do ProUni as instituições de ensino superior que participam do programa. No primeiro semestre deste ano, inscreveram-se cerca de 480 mil estudantes.





Fonte: G1

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/195657/visualizar/