Repórter News - reporternews.com.br
Cidades/Geral
Terça - 27 de Novembro de 2007 às 18:48

    Imprimir


Foi concluída nesta terça-feira (27) a entrega de dois mil computadores aos professores da rede municipal de ensino de Cuiabá, numa ação de inclusão digital desenvolvida pela Secretaria Municipal de Educação (SME). Nesta última etapa, 400 máquinas foram distribuídas aos profissionais lotados nas 26 escolas da Regional Oeste, que se dirigiram ao Palácio das Artes Marciais "Iusso Sinohara", para receber os equipamentos.

Configurados com sistema operacional Windows XP, pacote Office completo, memória Ram de um gigabyte, HD de 80, gravadora de CD e leitora de DVD, as máquinas tem monitor LCD de 15 polegadas e um ano de garantia. Foram adquiridas pela prefeitura ao custo unitário de R$ 1221, mas os professores irão pagar apenas um terço deste valor, em até 12 parcelas, descontadas diretamente em folha de pagamento. O restante será custeado pela prefeitura.

"Nós prometemos e é uma alegria entregar esses computadores", disse o prefeito de Cuiabá, Wilson Santos, durante o evento. Na avaliação do prefeito, a Educação em Cuiabá tem alcançado resultados positivos, mas pode melhorar ainda mais. "Como professor que sou não consigo entender como é possível atingir o patamar de país desenvolvido sem investir em Educação", disse.

De acordo com o secretário municipal de Educação, Carlos Carlão do Nascimento, as metas para elevar a qualidade do ensino na Capital foram estabelecidas desde o início da atual gestão. O programa de inclusão digital é resultado desse planejamento, bem como os investimentos na estrutura física das unidades escolares, o aumento salarial e a qualificação profissional dos educadores e ainda a reelaboração da política pedagógica do município. "Precisamos que nossos professores estejam mais capacitados e é por isso que esses projetos estão sendo desenvolvidos", explicou. "Espero que possam usar essa máquina para enriquecer o próprio conhecimento e dos nossos alunos em sala de aula", disse Nascimento.

Para a diretora da escola municipal Ezequiel de Siqueira, do bairro Araés, Regina Célia Salles de Freitas, a nova ferramenta de trabalho além de facilitar a pesquisa, melhora a auto-estima dos profissionais, por terem seu trabalho valorizado. "Muitos não poderiam adquirir um computador pelo preço normal", disse. A diretora explicou que já possuía um computador em casa, mas de capacidade inferior à nova máquina.




Fonte: Olhar Direto

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/196600/visualizar/