Publicidade
Repórter News - reporternews.com.br
Politica Brasil
Quarta - 14 de Novembro de 2007 às 15:12

    Imprimir


O deputado Victório Galli (PMDB-MT) aguarda confirmação de audiência com o ministro do Trabalho, Carlos Lupi, para a próxima semana, quando levará apoio às reivindicações da Delegacia Regional de Mato Grosso.

A principal reivindicação é a liberação de R$ 2 milhões para construção da nova sede da DRT em Cuiabá. Consta ainda da pauta de reivindicações ao ministro recursos para construção das subdelegacias de Sinop, São Félix do Araguaia e Rondonópolis.

Victório Galli esteve recentemente reunido com a delegada regional do Trabalho, em Cuiabá, Marilete Mulinari Girard, a auditora-chefe de fiscalização, Ivanir Cordeiro da Costa e também com o vice-presidente do Sindicato Nacional dos Auditores Fiscais do Trabalho, Valdiney de Arruda.

Além da questão de recursos para construção da nova sede e subsedes, o deputado Victório recebeu dos funcionários dados preocupantes do relatório que apontam Mato Grosso como o segundo estado do país na exploração do trabalho escravo.

Conforme a delegada Marilete Girard, falta pessoal para fiscalizar a exploração do trabalho escravo. Na próxima semana serão empossados 92 fiscais, mas a DRT, segundo a delegada, não possui espaço físico para as adequadas condições de trabalho.

Victório Galli aproveitou a reunião para manifestar sua preocupação com as denúncias de excesso de jornada de trabalho para motoristas caminhoneiros. A delegada Marilete Girard reconheceu que o problema é grave, mas garantiu que já está em execução um trabalho de fiscalização conjunta com o Detran, Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal e Ministério da Saúde.





Fonte: 24 Horas News

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/198445/visualizar/