Repórter News - reporternews.com.br
Saúde
Quinta - 16 de Maio de 2013 às 10:39
Por: Ronaldo Pacheco

    Imprimir


Max Aguiar - OD
O governador Silval Barbosa (PMDB) disse que o governo de Mato Grosso não tem condições de repassar mais de R$ 1,2 milhão mensais para o Hospital e Pronto Socorro de Várzea Grande. “Já evitei que fosse cortado 50% desse valor, que era uma decisão da Secretaria de Estado de Saúde. É lógico que gostaria de repassar mais, porém, por enquanto, transferimos o que é possível”, afirmou ele, enquanto se despedia do prefeito Walace Guimarães (PMDB), ao fim do desfile cívico militar, na Avenida Couto Magalhães – a mais importante da Cidade Industrial.



Na véspera, durante o lançamento dos projetos Cegonha e Aconchego, Walace havia dito que o Pronto Socorro não é de Várzea Grande, mas, sim, de Mato Grosos, porque atende pacientes de quase todos os municípios. “E teria seu funcionamento melhorado sensivelmente com um repasse de R$ 2 milhões do Estado, mas, graças a Deus, pelo menos não diminuiu, já que estava determinado um corte de 50%”, explica Guimarães.
 


O Hospital e Pronto Socorro de Várzea Grande atende em média 13,5 mil pacientes, sendo quase 40% de outros municípios e estados. Com a volta da realização de cerca de 3,5 mil partos na unidade sanitária, o atendimento deve passar a 16 mil por mês. 
 


Silval Barbosa lembrou que o Estado investe maciçamente na saúde varzeagrandense. “Estamos destinando mais de R$ 3 milhões para o Hospital Metropolitano [do Cristo Rei], responsável por praticamente zerar a ‘fila’ de cirurgias eletivas. E não medimos esforços para investir cada vez mais. Mas, hoje, fazemos o máximo possível par assegurar dignidade a quem busca a saúde de Várzea Grande”, pontuou Barbosa.
 


Walace Guimarães não quis entrar no mérito da discussão, optando por sair pela tangente. “É de suma importância essa decisão do governador que tenha sido ao menos mantido os recursos em questão”, justifica. Ao invés de cobrar, ele preferiu agradecer Silval por não ter ‘cortado’ metade dos recursos da saúde do Hospital e Pronto Socorro Municipal. E nem aumentado.
 


O presidente da Câmara de Várzea Grande, vereador Doutor Waldir Bento Costa (PMDB), parou Silval na porta do carro oficial para anunciar que irá apresentar uma moção de aplausos ao governador. Silval agradeceu Waldir Bento, mas nem respondeu se vai à Câmara de Várzea Grande, nos próximos dias, receber à comenda.





Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/20048/visualizar/