Repórter News - reporternews.com.br
Economia
Segunda - 24 de Setembro de 2007 às 10:39

    Imprimir


A indústria de bebidas alcoólicas, às voltas com um projeto do Ministério da Saúde com restrições à publicidade e sob pressão de ONGs que a consideram vilã da saúde, quer usar a propaganda para mudar essa imagem. Para isso, pretende ir além do aviso "beba com moderação" em suas campanhas. Esta semana, entram no ar em rede nacional duas campanhas com esse mote: a da cerveja Brahma, que tem como garoto-propaganda o cantor Zeca Pagodinho, e a da vodca Smirnoff, com o slogan "'Uggo não!" - uma referência aos efeitos da bebedeira.

Há duas semanas, a AmBev já vem veiculando uma nova campanha da cerveja Antarctica, em que a protagonista, a atriz Juliana Paes, tentava tirar uma grande mala da mesa do seu bar. A mensagem era clara: se beber demais, a pessoa vira uma "mala". Agora, na campanha da Brahma, Zeca Pagodinho lista uma série de comportamentos não aconselháveis - como dirigir após exagerar na bebida - e no final emenda com a frase: "Se você não sabe beber, não tome Brahma. Tome juízo, sujeito."

Embora as campanhas publicitárias com mensagens de consumo responsável já sejam veiculadas desde 2001, foi neste ano que ficaram mais explícitas. "Havia uma crítica de que nós não colocávamos as mensagens de consumo responsável nas falas dos garotos-propaganda. Hoje, isso já ocorre", diz Milton Seligman, diretor de assuntos corporativos da AmBev. O executivo reconhece que a campanha de consumo consciente com Zeca Pagodinho é uma resposta às críticas do ministro da Saúde, José Gomes Temporão, que recentemente disse que gostaria de ver uma campanha onde o cantor veiculasse uma mensagem mais responsável. As informações são do jornal O Estado de S.Paulo.





Fonte: AE

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/206014/visualizar/