Repórter News - reporternews.com.br
Cultura
Sábado - 25 de Agosto de 2007 às 08:05
Por: Lucélia Andrade

    Imprimir


Sintonia, elegância e um rico repertório, definiu a apresentação da Orquestra de Câmara do Estado de Mato Grosso, realizada na noite da última quinta-feira na Praça dos Pioneiros. Além da presença de um grande número de pessoas, autoridades locais prestigiaram também o evento. Hoje a Orquestra se apresenta em Campo Novo e amanhã em Sapezal. A Orquestra composta por 24 músicos, interpretou canções da Música Popular Brasileira (MPB), sul-americana e principalmente mato-grossense. Um dos diferenciais de sua apresentação, é a presença da Viola de Cocho, inédita no mundo, em que ressalta a cultura de Mato Grosso.

O maestro Leandro Carvalho informou, que esta apresentação faz parte da Temporada 2007, em que a Orquestra está viajando em 14 municípios, possibilitando que as pessoas possam ter acesso a música instrumental. “Muitas cidades em que passamos nunca tinham assistido a apresentação de uma orquestra”, afirmou o maestro.

Carvalho fala que como a maioria dos Estados possuem orquestra em funcionamento, com um grupo de músicos profissionais, no ano de 2005 o Governo teve a idéia de montar este grupo e lançou um Concurso Internacional, ao qual foram selecionados músicos de outros países como Suécia, Bulgária, como também a participação de músicos de outros Estados. “Esta participação de músicos de outros países nos possibilita realizar uma mistura da música popular e erudita, durante as apresentações”, esclarece .

Já em 2006, Carvalho declara que o Governo do Estado através da Secretaria de Estado de Cultura, depois de reafirmar seu compromisso com a Orquestra, possibilitou o oferecimento à sociedade de 83 concertos gratuitos. O maestro frisa também que foi neste ano que a Orquestra fez sua primeira turnê internacional como convidada do VI Festival Internacional de Música Renascentista y Barroca Americana “Misiones de Chiquitos”, na Bolívia. “Este evento é um dos mais importantes do mundo em que reúne músicos, orquestras e estudiosos de mais de 20 países”, diz Carvalho.

O maestro fala que o principal objetivo da Orquestra, é promover a inclusão cultural. “Todo o nosso trabalho, é ensaiar cuidadosamente para que as pessoas tenham a oportunidade de conhecer a Orquestra”, comenta o maestro dizendo ainda que após a finalização desta temporada, a Orquestra já começa a ensaiar e estudar o repertório para a temporada 2008.





Fonte: Diário da Serra

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/209912/visualizar/