Repórter News - reporternews.com.br
Agronegócios
Quinta - 26 de Abril de 2007 às 17:31

    Imprimir


O Ministério da Agricultura começou a liberar os recursos do Fundo de Defesa da Economia Cafeeira (Funcafé) para o financiamento da safra 2007/2008, estimada pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) em 32,065 milhões de sacas de 60 quilos. O primeiro contrato foi celebrado com o Banco Cooperativo do Brasil (Bancoob), para o qual será liberada amanhã a parcela inicial de R$ 80 milhões destinada à colheita.

Além do Bancoob, o Departamento de Café (Dcaf) vai firmar contratos com outras nove instituições financeiras: Santander Banespa, Itaú BBA, Bradesco, Unibanco, Banco do Brasil, Banestes, Crediminas, Credivar e Safra. Outros agentes financeiros também já procuraram o ministério para manifestar interesse em operar com recursos do Funcafé, como, por exemplo, o Banco Ribeirão Preto.

Serão liberados R$ 450 milhões para a colheita. O limite por produtor pode chegar até R$ 200 mil, sendo R$ 1.440 por hectare. A taxa é de 9,5% ao ano, com prazo de pagamento de 90 dias após a colheita. O financiamento pode ser convertido em estocagem, com prazo de até 18 meses para a quitação.

O orçamento do Funcafé para a atual safra é de R$ 2,026 bilhões. Além dos R$ 450 milhões destinados ao financiamento da colheita, outros R$ 850 milhões vão para estocagem, R$ 426 milhões para custeio e R$ 300 milhões para o Financiamento para Aquisição de Café (FAC).





Fonte: AE

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/230371/visualizar/