Repórter News - reporternews.com.br
Educação/Vestibular
Segunda - 19 de Fevereiro de 2007 às 06:09

    Imprimir


Trabalhadores rurais e beneficiários da reforma agrária terão a chance de se graduar em direito. A Universidade Federal de Goiás (UFG), através do Programa Nacional de Educação na Reforma Agrária (Pronera), abriu uma turma especial com 60 vagas para essas pessoas. O curso tem duração prevista de cinco anos.

A coordenadora geral de Educação no Campo e Cidadania do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), Maria Mota Pires, esclareceu que o curso não será diferente: segue o critério e a metodologia adotados pelo MEC. "O que o torna especial é ser voltado para a realidade do campo, mas o vestibular é normal, com todas as exigências do MEC".

Para a diretora de Políticas Sociais da Confederação Nacional dos Trabalhadores na Agricultura (Contag), Alessandra Lunas, é um desafio poder proporcionar esse acesso aos trabalhadores do campo. Ela disse que, além do acesso, tem sido discutida a necessidade de que as universidades abram as portas para atender às demandas do campo, mais especificamente agricultura familiar e assalariados do campo.

"Este é um dos desafios que a gente tem trabalhado, no sentido de proporcionar diretamente ao jovem que vem do meio rural uma condição de acessar o ensino superior". As inscrições para o vestibular podem ser feitas até o dia 22 de fevereiro, no endereço eletrônico http://www.vestibular.ufg.br/. A taxa é de R$ 30 e poderá ser paga até dia 23 de fevereiro nas agências da Caixa Econômica Federal. As provas serão realizadas no dia 18 de março e o resultado está previsto para dia 30.

Para concorrer, os candidatos precisam ter concluído o ensino médio e comprovar que vivem em assentamentos de Reforma Agrária e agricultura familiar. É preciso apresentar declaração do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), no caso dos assentamentos, e documento que ateste a representatividade do candidato junto ao sindicato.




Fonte: Agência Brasil

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/241191/visualizar/