Publicidade
Repórter News - reporternews.com.br
Nacional
Domingo - 19 de Novembro de 2006 às 12:49

    Imprimir


O Judiciário e o Ministério Público gastaram, nos últimos oito anos, R$ 4,2 bilhões em obras e compra de equipamentos, de acordo com dados do Sistema Integrado de Administração Financeira (Siafi). Só a obra do Tribunal Superior do Trabalho (TST), inaugurado recentemente em Brasília, custou R$ 259 milhões aos cofres federais, segundo o jornal O Estado de S. Paulo. Os dados são atualizados pelo deflator do IBGE para investimentos.

A sede da Procuradoria-Geral da República, construída em 2002, consumiu outros R$ 75 milhões. Nos últimos dois anos, o MP investiu ainda R$ 49 milhões na compra de equipamentos, justificada no Orçamento como "defesa do interesse público no processo judiciário". Para o ano que vem, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) planeja a construção da nova sede, que deve custar R$ 320 milhões.

A sede do Superior Tribunal de Justiça é uma das obras historicamente mais caras do Judiciário. Os prédios, inaugurados em 1995, custaram US$ 170 milhões.





Fonte: Terra

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/259884/visualizar/