Publicidade
Repórter News - reporternews.com.br
Nacional
Sábado - 18 de Novembro de 2006 às 13:38

    Imprimir


Os muros externo e interno da casa onde os idosos Sebastião Esteves Tavares, 71, e Hilda Gonçalves Tavares, 67, foram assassinados na sexta-feira amanheceram pichados. Segundo um motorista do ponto de táxi localizado em frente à casa, há, entre as inscrições legíveis, as palavras "assassino" e "playboy" e a frase "vai virar boneca na cadeia". A casa fica no bairro de classe média alta de Perdizes, na zona oeste de São Paulo.

As pichações seriam uma referência ao filho do casal, Rogério Tavares, 42 anos, que foi apontado pela polícia, na manhã de sexta-feira, como suspeito do crime. À tarde, o delegado Leandro Árabe, do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), chegou a afirmar que seria "totalmente temerário dizer que ele é suspeito".

No final do dia, porém, a versão mais freqüente, e a usada por José Vinciprova, delegado do DHPP à frente do caso, era de que ainda é muito cedo para dizer que Rogério é suspeito ou para descartar sua participação.

O enterro do casal será hoje às 14h, no cemitério Gethsemani, no bairro do Morumbi.





Fonte: Terra

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/260055/visualizar/