Repórter News - reporternews.com.br
Economia
Segunda - 13 de Novembro de 2006 às 18:51

    Imprimir


Brasília, 13 - Em novembro, as importações brasileiras continuam mostrando mais vigor do que as exportações. Segundo os dados divulgados pelo Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, as importações crescem 39,2%, pela média diária, em relação a novembro de 2005, enquanto as exportações aumentaram 20,1%. Aumentaram os gastos, principalmente, de cobre e suas obras (142,9%), combustíveis e lubrificantes (96,9%), borracha e obras (41,6%), farmacêuticos (40,6%), adubos e fertilizantes (30,0%) e químicos orgânicos e inorgânicos (29,2%).

Do lado das exportações, o crescimento é sustentado pelas três categorias de produtos. Os embarques de semimanufaturados aumentaram 31,4% em relação a novembro de 2005, principalmente nas exportações de catodos de cobre, alumínio em bruto, couros e peles, açúcar em bruto, celulose, madeira serrada e óleo de soja em bruto. As vendas externas de produtos básicos subiram 19,5%, por conta de milho em grão, carne bovina, suína e de frango, café em grão e uvas frescas.

Os manufaturados cresceram 18,4% principalmente açúcar refinado, álcool etílico, hidrocarbonetos, tubos de ferro-fundido, motores e geradores, aviões, laminados planos, polímeros plásticos e autopeças. As exportações acumulam em novembro US$ 4,536 bilhões e as importações, US$ 3,272 bilhões, com superávit de US$ 1,264 bilhão. No ano, as exportações totalizam US$ 117,909 bilhões e as importações, US$ 78,754 bilhões, com saldo positivo de US$ 39,155 bilhões.





Fonte: AE

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/260877/visualizar/