Repórter News - reporternews.com.br
Politica Brasil
Quarta - 30 de Agosto de 2006 às 09:20
Por: Carlos Eduardo Lemos

    Imprimir


“O que meu cliente tinha de apresentar sobre a participação do senador Antero Paes de Barros no esquema da compra de ambulâncias já o fez. Agora é com a Justiça”. A afirmação foi feita pelo advogado do empresário sanguessuga Luis Antônio Vedoin Otto Medeiros, ao comentar a decisão do Conselho de Ética do Congresso Nacional em investigar o senador-candidato ao governo de Mato Grosso pelo PSDB. O advogado disse que seu cliente ainda não foi notificado a comparecer ao Congresso na próxima terça-feira, mas ressaltou que está pronto a colaborar com a Justiça e que se for chamado estará presente.

indagado se seu cliente, Luis Antônio Vedoin vai sustentar as mesmas denúncias contra Antero Paes de Barros e os outros parlamentares envolvidos, nas próximas vezes em que for chamado a prestar depoimento, o advogado Otto Medeiros disse que “não se trata de manter o que disse, mas de continuar colaborando com a Justiça”.

O Conselho de Ética e Decoro Parlamentar do Senado marcou para terça-feira, uma audiência com os chefes da quadrilha dos sanguessugas. O Conselho quer que os empresários Luiz Antônio Trevisan Vedoin, o pai dele, Darci Vedoin, e o acusado de ser um dos principais integrantes do grupo, Ronildo Medeiros, dêem explicações sobre como funcionava a máfia e confirme se os senadores Ney Suassuna, Magno Malta e Serys Marli, está do PT mato-grossense estariam mesmo envolvidos no esquema que comprava ambulâncias superfaturadas.

O advogado Otto Medeiros ao ser indagado se seu cliente vai até Brasília participar da audiência, como testemunha disse que até a manhã desta quarta-feira não havia recebido a notificação para o comparecimento a este encontro. Mas garante que seu cliente não furtará a esta convocação. “Meu cliente sempre manifestou o interesse em colaborar com a Justiça e isso é o que fará. Até o momento não recebemos a comunicação, mas se ela vier iremos e vamos manter a mesma linha e reafirmar as acusações”, declarou. Medeiros voltou a ressaltar que Luiz Antônio Vedoin é um colaborador da Justiça e de forma alguma vai mudar o que já disse anteriormente.

Hoje em Cuiabá, às 14h, será realizada uma oitiva com o empresário sanguessuga Luiz Antônio.





Fonte: 24HorasNews

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/279068/visualizar/