Publicidade
Repórter News - reporternews.com.br
Economia
Quarta - 17 de Maio de 2006 às 10:04

    Imprimir


O cooperativismo de crédito é complementar ao sistema financeiro. Devemos criar um modelo de crédito cooperativo para balizar o custo do dinheiro”, disse Rodrigues, ao participar hoje (16/05) da abertura do Fórum Nacional de Cooperativas de Crédito, Micro e Pequenos Empresários Empreendedores – Avanços e Perspectivas, promovido pelo Sebrae em parceria com o Banco Central, no Hotel Nacional, em Brasília.

Em sua palestra, Rodrigues enfatizou que o cooperativismo é uma doutrina socioeconômica perfeita para ser implementada em países em desenvolvimento como o Brasil, porque visa a corrigir o social através do econômico. “Mas, contraditoriamente, ela é mais avançada nos economias ricas, onde as distâncias sociais são menores.” Para o ministro, é preciso disseminar a cultura cooperativista entre a população para impulsionar o crescimento do setor no país.

Rodrigues afirmou que o cooperativismo brasileiro tem um discurso solidário e uma prática solitária, o que explica o fato de ainda não ter se expandido mais no Brasil. De acordo com ele, o crescimento do setor deve estar fundamentado nos princípios que o regem: adesão livre e voluntária; gestão democrática pelos associados; participação econômica dos associados; autonomia e independência; educação, formação e informação; cooperação entre cooperativas; e interesse pela comunidade.





Fonte: Folha Online

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/300566/visualizar/