Repórter News - reporternews.com.br
Economia
Quarta - 02 de Março de 2005 às 07:16

    Imprimir


Em nome do setor agropecuário do Estado, o presidente da Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso, Homero Pereira, fez uma exposição na 6ª reunião extraordinária do Conselho Deliberativo (Condel) do Fundo Constitucional de Desenvolvimento do Centro-Oeste (FCO). Durante 40 minutos, Pereira apresentou aos membros do conselho os prognósticos de prejuízos para esta safra, estimados em US$ 574,325.

O presidente da Famato considera as deliberações do Condel na reunião em Rio Verde-GO, incluindo a extensão de os prazos de vencimento dos financiamento e a liberação de mais recursos aos produtores, como grandes vitórias ao setor.

O secretário de Desenvolvimento do Centro-Oeste, Athos Magno Costa e Silva, admite que as previsões negativas do agronegócio são preocupantes. "Junto aos produtores, o governo federal deve estar atento para evitar a crise no campo. O Condel sinanliza positivamente à reivindicações e estará somando forças para encontrar soluções aos problemas do setor", afirma.

Somente em relação à soja, estudos do Instituto Mato-grossense de Economia Agrícola (Imea), ligado à Famato, já cogitam um déficit de mais de US$ 362,7 milhões nesta safra. Os produtores de milho no Estado deverão computar um déficit de US$ 92 milhões, enquanto as culturas de algodão e arroz poderão gerar perdas de US$ 88,17 milhões e US$ 31,32 milhões.(JS)




Fonte: A Gazeta

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/355944/visualizar/