Publicidade
Repórter News - reporternews.com.br
Cidades/Geral
Sábado - 26 de Fevereiro de 2005 às 20:43
Por: Silvana Guaiume

    Imprimir


Campinas - Parentes da sobrevivente ao envenenamento por arsênico que matou seus pais e irmã, em Campinas, fizeram um apelo neste sábado para que a menina, de 15 anos, retorne para casa. A prima da adolescente, Evani Teixeira Guaraldo, procurou uma emissora de televisão da cidade para gravar um depoimento pedindo para a garota entrar em contato com a família.

A adolescente está desaparecida desde a última segunda-feira, quando fugiu da casa da avó materna. Ela possui alta dosagem de arsênico no organismo, conforme laudo do Departamento de Toxicologia da Unicamp, e, se não for tratada, poderá apresentar seqüelas irreversíveis, como atrofia dos membros.

A família está avaliando divulgar uma foto da adolescente para facilitar sua localização, mas irá aguardar até o início da próxima semana, segundo o advogado Daniel de Leão Keleti. Ele comentou que os parentes temem o impacto que isso possa causar na adolescente. Acrescentou que a divulgação somente ocorrerá com o aval do psiquiatra com o qual a garota iniciou um tratamento, antes da fuga.





Fonte: Agência Estado

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/356970/visualizar/