Publicidade
Repórter News - reporternews.com.br
Cidades/Geral
Sexta - 25 de Fevereiro de 2005 às 09:25

    Imprimir


Os advogados de Vilma Martins, condenada pelos crimes de subtração de incapaz e pela simulação de parto e registro falso de Pedro Rosalino Braule Pinto, o Pedrinho, desistiram de um recurso no qual a ré pedia a anulação do processo ao Superior Tribunal de Justiça (STJ). Conforme o site do STJ, a desistência teria sido decidida depois que a defesa fez um acordo com o Ministério Público de Goiás. O caso volta agora ao Tribunal de Justiça do Estado.

Vilma foi denunciada pelo seqüestro de Pedrinho, registrado por ela como Osvaldo Martins Borges Júnior. O crime foi descoberto depois que uma parente a denunciou e a prisão foi decretada em agosto de 2003. Vilma foi condenada a sete anos de reclusão em regime fechado pela simulação de parto e registro falso, além de mais um ano e oito meses de detenção em regime semi-aberto por subtração de incapaz.

O STJ não dá mais informações sobre o teor do acordo firmado entre Vilma e o Ministério Público de Goiás.





Fonte: Terra

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/357384/visualizar/