Publicidade
Repórter News - reporternews.com.br
Educação/Vestibular
Domingo - 24 de Outubro de 2004 às 10:26
Por: Rose Domingues

    Imprimir


Faltam pouco mais de dois meses para o fim do ano letivo e alguns pais já estão preocupados com o pagamento da matrícula e material escolar do ano do ano que vem. Outros ainda estudam como pagar mensalidades em atraso.

Dados do Instituto Nacional de Ensino e Pesquisa (Inep), órgão do Ministério da Educação (MEC), mostram que nos últimos cinco anos, por conta da crise econômica, a rede particular de ensino perdeu 29% dos alunos matriculados no ensino fundamental (1ª a 8ª séries). Pelo menos 4.268 alunos migraram das particulares para as públicas, de 1999 a 2003. A razão principal dessa mudança continua sendo falta de dinheiro. Mas, na avaliação do Sindicato das Escolas Particulares do Estado (Sinep), Gelson Menegatti Filho, a tendência para 2005 é que se mantenha o patamar de matrículas deste ano, que chegou a 71.110 em todo Estado. Ele visualiza uma migração inferior à contastada pelo Inep, de 13 a 15%, o que, segundo ele, é considerado normal para o período. "Entendemos que quem passou pela crise e manteve o filho na particular é porque tem dinheiro para pagar e não vai abandonar o barco agora", acredita.

A confirmação de que muitos estudantes estão migrando das particulares para as públicas está, de acordo com informações da Secretaria de Estado de Educação (Seduc), no número de alunos que elas têm recebido há pelo menos dois anos. Enquanto as escolas municipais e particulares sofrem oscilações -ora perdem alunos, ora ganham - as estaduais estão em alta, principalmente as localizadas em regiões centrais.




Fonte: A Gazeta

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/370292/visualizar/