Publicidade
Repórter News - reporternews.com.br
Economia
Quarta - 11 de Agosto de 2004 às 14:18

    Imprimir


São Paulo, 11/8/2004 (Agência Brasil - ABr) - O primeiro semestre deste ano foi fraco para o segmento de locação de imóveis residenciais na capital paulista, mas as perspectivas para o segundo semestre “são um pouco melhores”. É o que define o balanço semestral do segmento, divulgado hoje pelo Secovi-SP, sindicato que representa condomínios e empresas imobiliárias. Das 155 imobiliárias consultadas, 58% apostam que o segundo semestre “será muito melhor” e 36% não trabalham com a possibilidade de mudanças significativas de performance.

O vice-presidente de Locação do sindicato, Ségio Luiz Abrantes Lembi, lembra no relatório que o primeiro semestre foi “um período marcado por intenso desemprego, fator que desestabiliza muitos segmentos da economia, em especial o de locação imobiliária”. Para ele, o segundo semestre traz expectativas um pouco melhores. "Além da sazonalidade que marca o segmento (...), fazendo com que o segundo semestre seja sempre melhor que o primeiro, há indícios de aquecimento da economia e de crescimento nas contratações”.

A Pesquisa Conjuntural do Mercado de Locação Residencial abrange 155 imobiliárias da cidade de São Paulo. Para o primeiro semestre, o estudo indica que não houve aumento de oferta de imóveis para moradia, de forma geral, mas há tendência do crescimento de oferta de residências com um ou mais de quatro dormitórios e de queda de ofertas de imóveis com aluguel superior a R$ 400 mensais. Quanto à procura, o relatório identificou aumento da preferência por residências e apartamentos de até dois quartos, quitinetes e aluguéis até R$ 300.

Quanto à inadimplência - caracterizada pela suspensão dos pagamentos de aluguel ou atrasos superiores a 60 dias - a pesquisa indica um patamar estável, mas com tendência de aumento para residências e apartamentos de dois a três dormitórios; e estável, mas com tendência de redução para residências e apartamentos de apenas um dormitório e quitinetes.




Fonte: Agência Brasil

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/376658/visualizar/