Repórter News - reporternews.com.br
Agronegócios
Sexta - 09 de Julho de 2004 às 11:18
Por: Raquel Teixeira

    Imprimir


Maior e mais tradicional evento do agronegócio no Estado e vitrine do setor agropecuário mato-grossense, a 40ª Exposição Internacional Agropecuária, Industrial e Comercial de Cuiabá (Expoagro) foi aberta oficialmente nesta quinta-feira (08.07), no Parque de Exposições da Associação dos Criadores de Mato Grosso (Acrimat). O evento contou com a participação do governador Blairo Maggi, da primeira-dama Terezinha Maggi e de secretários de Estado, além do secretário de Defesa Animal do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Maçao Tadano, do senador Jonas Pinheiro, e autoridades locais.

Para o presidente da Acrimat, Anildo Lima Barros, as estimativas são de que pelo local passe um público – durante os 10 dias da exposição – de aproximadamente 250 mil pessoas e que sejam movimentados cerca de R$ 15 milhões com a comercialização de animais nos leilões até o dia 18, quando será encerrada a Expoagro. “A exposição é a grande fomentadora da economia local, pois gera empregos diretos e indiretos a muitas pessoas, antes e durante o evento, além de movimentar um volume imenso de negócios que refletem na economia estadual”, enfatizou Anildo. O presidente da Acrimat ressaltou ainda que parte da renda da entrada para o primeiro dia da exposição será revertida em benefício das obras de reforma da ala pediátrica da Santa Casa de Misericórdia de Cuiabá.

O secretário de Defesa Animal do Ministério da Agricultura, Maçao Tadano, falou da importância do evento para o Estado e frisou a preocupação do Governo Federal em resolver a questão do embargo da carne brasileira pela Rússia, depois da detecção de um foco de aftosa no Estado do Pará. ”O Governo Federal já encaminhou as soluções e uma missão do Governo e de empresários brasileiros irá à Rússia para sanar por completo o problema”, destacou Tadano.

Maçao falou ainda da expectativa em expandir as exportações, com o interesse mostrado por países como Japão, Taiwan, entre outros, por produtos brasileiros como frutas, flores, além da carne que já é exportada em larga escala para a Europa e países da Ásia.

“A realização da 40ª Expoagro vem demonstrar a força que o agronegócio e a pecuária representam para e economia e conseqüente desenvolvimento de nosso Estado, fomentando e gerando renda e economia. A organização da exposição encontrou o eixo, fortalecendo o setor agropecuário”, frisou o governador Blairo Maggi.

Na oportunidade, Maggi falou ainda da responsabilidade que Governo assume com a assinatura do Pacto Federativo, assinado entre o Estado e o Governo Federal, que permite ao Estado licenciar desmatamentos de qualquer tamanho, bem como queimadas em Mato Grosso. “Mato Grosso está disposto a fazer os investimentos necessários para organizar o setor, fazendo com responsabilidade o que permite a lei”, finalizou o governador.

Após a abertura da exposição, o governador participou da inauguração do Tattersal de Leilões da Acrimat, visitando em seguida os stands das secretarias e órgãos que estão em exposição no Pavilhão do Governo no Parque de Exposições. Estão expondo projetos e ações desenvolvidas no Estado as secretarias de Ciências e Tecnologia (Secitec), Turismo (Sedtur), Educação (Seduc), Cultura (Sec), Departamento Estadual de Trânsito (Detran), Fundação Estadual de Meio Ambiente (Fema), Instituto de Defesa Agropecuária (Indea) e Empresa de Pesquisa, Assistência e Extensão Rural (Empaer). A secretaria de Infra-Estrutura (Sinfra) montou no local um stand especial onde demonstra todas as obras do Governo, como também a réplica de três casas do Programa Meu Lar e de uma oca indígena que o Governo construirá em aldeias de Mato Grosso.

EXPOAGRO - Para a edição 2004, que comemora os quarenta anos da Expoagro, a Acrimat, organizadora do evento, ampliou o espaço destinado à realização dos leilões com a construção do Centro de Eventos, com capacidade para sete mil pessoas, que foi inaugurado oficialmente nesta quinta-feira, pelo governador Blairo Maggi e pelo presidente da Acrimat Anildo Lima Barros.

Outra novidade é que pela primeira vez os leilões serão realizados fora do recinto do Parque de Exposições, como em Rondonópolis (200 quilômetros de Cuiabá) e na Estância Bahia, na BR 364, sentido Cuiabá-Rondonópolis.

Acompanharam o governador na abertura da exposição os secretários de Estado Terezinha Maggi (Trabalho, Emprego e Cidadania), Luiz Antônio Pagot (Infra-Estrutura), Alexandre Furlan (Indústria, Comércio, Minas e Energia), Cloves Vettorato (Assuntos Estratégicos), Homero Pereira (Desenvolvimento Rural), Waldir Teis (Fazenda), Yeda Marli (Desenvolvimento do Turismo), Louremberg Rocha (Ação Política); além dos presidentes do Detran, Moisés Sachetti, do MT Saúde, Yuri Bastos, da Empaer, Aréssio Paquer, do procurador geral do Estado, João Virgílio do Nascimento; secretário-adjunto de Segurança Pública, coronel Orestes Oliveira, presidente do Indea, Décio Coutinho; presidente do Cepromat, Adriano Niehues; presidente da Fiemt, Nereu Pasini, e os deputados estaduais Silval Barbosa e Alencar Soares.




Fonte: Secom - MT

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/378372/visualizar/