Repórter News - reporternews.com.br
Cidades/Geral
Terça - 18 de Maio de 2004 às 09:11

    Imprimir


Peritos do Departamento de Aviação Civil (DAC) tentam descobrir os motivos da queda do avião que causou a morte de três pessoas sexta-feira em Tangará da Serra. Três especialistas de Brasília estão na cidade para identificar as causas do acidente: um especialista em área de operações, uma médica e um perito em manutenção. Eles verificaram os destroços do avião e trocaram informações com policiais civis.

O avião, modelo Sertanejo 721, de fabricação brasileira, caiu sexta-feira. O monomotor ficou destruído ao bater na copa de uma árvore. Três pessoas morreram no acidente: o piloto Almir Leal, o auditor da Receita Federal José Wellington Gomes de Lima e a esposa dele, Tereza Gomes de Lima.

Os técnicos do DAC fizeram medições no local da queda e verificaram documentos. De acordo com o comandante da equipe, major Eduardo Rachid, o piloto era capacitado e o avião tinha aparelhos eletrônicos apropriados para o vôo. O trabalho de perícia do DAC identifica as causas do acidente e vai contribuir principalmente para evitar novos problemas. "Emitiremos algumas recomendações que nada mais são do que prevenção", disse Rachid.

O prazo para a entrega do relatório final pode ser prorrogado já que os técnicos trabalham com toda e qualquer situação que possa ter causado o acidente.

"Basicamente a gente estuda o mecanismo de trauma e investiga a história pregressa do piloto, se tinha problemas de saúde", explica a tenente Tiana Gusmão, médica do DAC.





Fonte: RMT Online

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/383525/visualizar/