Publicidade
Repórter News - reporternews.com.br
Cidades/Geral
Terça - 02 de Março de 2004 às 13:34
Por: Luiz Acosta

    Imprimir


Ao contrário do que foi noticiado no Jornal Nacional, da Rede Globo, na noite de segunda-feira (01.03), o Governo Federal nada tem a ver com os consórcios formalizados para o asfaltamento e a recuperação de estradas em Mato Grosso. "A iniciativa e as ações são todas do Governo do Estado de Mato Grosso, em parceria com os produtores rurais e Prefeituras Municipais", afirma o secretário de Estado de Comunicação Social, Geraldo Gonçalves.

Na matéria veiculada pela TV Globo, afirmou-se que, para a formalização da parceria, "300 produtores doaram três sacas de soja por hectare plantado e o Governo Federal entrou com o óleo das máquinas e a camada de asfalto". E completou: "A estrada, que antes era só buraco, agora está um tapete".

O secretário Geraldo Gonçalves observa que a reportagem sequer mencionou qual rodovia estaria sendo asfaltada (em um trecho de 61 quilômetros), por meio de um suposto consórcio entre o Governo Federal e os produtores. Ao contrário disso, segundo ele, a matéria mostra um trecho da MT-338, que liga os Municípios de Lucas do Rio Verde (354 km ao Norte de Cuiabá) a Tapurah (a 432 km da Capital), quando estava sendo visitada por um grupo de produtores de Lucas, entre eles, o presidente do Sindicato Rural, suplente de deputado federal Helmute Lawisch.

"Este ano, o Governo Blairo Maggi vai intensificar a formalização de consórcios rodoviários para recuperar parte da malha viária do Estado, principalmente os corredores de escoamento da produção agrícola", revelou o secretário de Comunicação, assinalando que existe toda uma preocupação do Governo de Mato Grosso no sentido de receber cerca de R$ 11 milhões que foram aplicados em obras de recuperação de rodovias federais no Estado, no ano passado.

Até agora, já foram formalizados 15 consórcios com associações de produtores rurais e outros nove com Prefeituras Municipais, o que resultou no asfaltamento de mais de 500 quilômetros de estradas estaduais, só no ano passado, no primeiro ano do Governo.

Para 2004, disse Geraldo Gonçalves, a previsão é de formar 14 novos consórcios para asfaltar 800 quilômetros de rodovias. A meta do Governo é chegar ao final do mandato com 2,4 mil quilômetros da malha viária mato-grossense totalmente recuperada.




Fonte: Redação/Secom-MT

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/387553/visualizar/