Repórter News - reporternews.com.br
Tecnologia
Terça - 02 de Março de 2004 às 12:54

    Imprimir


Vários jovens chineses desempregados usam a Internet para contar sua situação e pedir esmola a desconhecidos, um fenômeno social que já está sendo conhecido nesse país asiático como "web-mendigos". Essa prática está especialmente espalhada pela cidade de Chengdu, no sudoeste do país, onde foram encontrados pelo menos dez internautas dedicados a esta atividade e muitos cidadãos já receberam suas mensagens.

Um desses jovens, um estudante de 21 anos chamado Li Dan, falou hoje para os meios de comunicação chineses e explicou que os "web-mendigos" estão começando a se organizar, compartilhando suas experiências em "chats" e criando sites dedicados a esta forma de vida.

Li, que envia cerca de mil emails por dia aos cidadãos de Chengdu e ganha uns US$ 20 mensais em esmolas, explica que em suas mensagens conta que é órfão de pai e que sua mãe está gravemente doente. Em seguida, fornece um número de conta bancária para que o destinatário o ajude se quiser. "A princípio comecei a pedir esmolas só para me distrair mas quando recebi a primeira ajuda (algo mais de um dólar) decidi me dedicar plenamente a isso", disse Li, que chegou a receber até 50 iuans (US$ 6) de um dos destinatários de seus emails.

Li adverte sobre pessoas que enviam esse tipo de mensagens e não são realmente pobres, e diz que "os verdadeiros web-mendigos dão o nome e o endereço de e-mail nas mensagens que enviam".




Fonte: EFE

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/387561/visualizar/