Repórter News - reporternews.com.br
Saúde
Sexta - 09 de Fevereiro de 2018 às 09:29
Por: Assessoria MT

    Imprimir


A idade ideal para levar a criança na primeira consulta ao odontopediatra é a partir dos seis meses
A idade ideal para levar a criança na primeira consulta ao odontopediatra é a partir dos seis meses

Preferencialmente a primeira consulta ao dentista deve ser ainda bebê, para que sejam incorporados hábitos saudáveis em seu dia a dia pela família, prevenindo a instalação das doenças bucaifs. O acompanhamento profissional é de suma importante para que a dentição se desenvolva de forma saudável, já que o diagnóstico precoce de qualquer anomalia poderá favorecer o tratamento.

O odontopediatra é o profissional habilitado para tratar de todas as especialidades da odontologia voltadas a bebês, crianças e adolescentes. A odontopediatra Cíntia Aparecida Damo Simões, que atende em Cuiabá, fala sobre a importância de iniciar os cuidados com a saúde oral desde pequeno.

Segundo a profissional é no primeiro ano de vida que se estabelecem os hábitos de higiene oral, amamentação, alimentação e muitas vezes de sucção de chupetas e dedo que, se em desequilíbrio, poderão levar ao aparecimento de cáries, problemas gengivais e maloclusões (mal encaixe entre os dentes e possível desarmonia de língua e lábios). Mas tudo isto pode ser prevenido e evitado com uma primeira consulta ao odontopediatra.

É importante destacar que a saúde dos dentes de leite influenciará na saúde geral da criança (mastigação e deglutição) e no seu o convívio social (fala correta e "sorriso"). Veja algumas orientações da profissional:

Qual a idade ideal para levar a criança ao cirurgião-dentista pela primeira vez?

A idade ideal para levar a criança na primeira consulta ao odontopediatra é a partir dos seis meses, pois o odontopediatra é o profissional habilitado para atender um bebê, . Que riscos a criança sofre se for adiada essa visita?

Com seis meses é introduzido, as papinhas na alimentação da criança. O odontopediatra é apto para ajudar o nutricionista e o pediatra a orientar a mãe a ofertar uma dieta correta para a criança, avaliar se o bebê tem dente irrompendo (os dentes de leite nascendo), as condições da mucosa, e orientar sobre os primeiros cuidados na higiene da bucal do bebê, se já tiver dentes o uso da escova, o creme dental com flúor na quantidade correta, enfim essas são algumas das orientações dadas aos pais e/ou cuidadores da criança na primeira visita.

Que anomalias podem ser detectadas na primeira dentição?

As crianças de zero a 3 anos tem algumas alterações na boca, próprias da idade do bebê, e o odontopediatra está apto a avaliar essas alterações, uma delas é o freio lingual curto, o odontopediatra e avalia se há necessidade de cirurgia ou de acompanhamento.

Qual a importância de manter a higiene bucal dos pequenos?

A higiene bucal é fundamental para que não se desenvolva cárie ou doença gengival e se por acaso surgir uma cárie, tomar cuidados para não ter perda precoce de dente decíduo (leite) e dor, sem os cuidados necessários pode haver perda precoce dos dentes de leite e alteração na arcada dentária, com isso no futuro necessitando de uso de aparelho. O cuidado com a higiene bucal desde pequeno é para manter a saúde bucal.

O que difere o trabalho de um odontopediatra de um cirurgião-dentista geral?

A diferença entre o odontopediatra dos demais cirurgiões-dentistas é que ele é capacitado para atender a criança em todas as especialidades. Desde a prevenção, restauração, tratamento de canal, tratamento de gengiva, prótese, cirurgia tudo voltado para bebê, criança e adolescente. O odontopediatra estuda todas as alterações, anomalias e doenças voltadas para bebês, crianças e adolescentes.

O odontopediatra é o profissional que sabe como lidar com estas fases, quais os cuidados necessários, informações e orientações para os pais, além realizar o condicionamento da criança, ou seja, atende a criança com cuidado para que ela não tenha medo de dentista no futuro. O odontopediatra é o especialista preparado para atender o bebê a criança.





Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/427480/visualizar/