Repórter News - reporternews.com.br
Esportes
Segunda - 12 de Fevereiro de 2018 às 22:41
Por: O Dia

    Imprimir


O Flamengo venceu o Botafogo por 3 a 1 e avançou à final da Taça Guanabara. Os gols da vitória foram marcados por Everton, Henrique Dourado e Vinicius Junior.

Ao comemorar o terceiro gol da equipe, o jogador de 17 anos comemorou com o "chororô", provocando a torcida alvinegra. A celebração repercutiu, e o ex-jogador Edmundo usou o programa 'A Última Palavra', do canal 'Fox Sports', para sair em defesa de Vinicius: "Acho legal provocação".

"Acho legal, sou de um tempo antigo, de que a rivalidade local era muito acirrada no Campeonato Carioca. Então, acho que o Vinicius Júnior não fez nada demais", opinou o comentarista.

"É bem cultural, principalmente no estadual as provocações. Cada time tem a sua pedra no sapato, e os adversários usam isso. Mas hoje no Brasil é obrigado a ser politicamente correto. Não existe ali irem lá e querer brigar ou agredir o Vinicius Júnior.

Eles tinham que jogar bola. Deixa de cumprir a sua função principal, a sua atividade para criar confusão. Acho legal defender as cores do clube, mas também acho legal provocação. Tem um árbitro ali de camisa azul que tem que entender qual é o limite ou não da provocação e punir.

Não é justiça pelas próprias mãos", completou Edmundo.





Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/427564/visualizar/