Publicidade
Repórter News - reporternews.com.br
Saúde
Sexta - 14 de Dezembro de 2018 às 14:59
Por: Diário de Cuiabá

    Imprimir


A deputada estadual Janaína Riva (MDB) parece estar isolada na disputa pela vaga de primeira-secretária na chapa encabeçada pelo deputado Eduardo Botelho (DEM), que concorre à reeleição para presidente da Assembleia Legislativa em fevereiro do ano que vem.

Após tentativa fracassada de unir forçar com o deputado Guilherme Maluf (PSDB) a fim de lançar uma chapa para disputar a eleição contra o atual presidente devido a sua indefinição sobre os componentes de seu grupo, a parlamentar perdeu forças e alguns aliados.

Isto porque, assim que eles ensaiaram formar uma chapa concorrente, Botelho chamou o parlamentar tucano para conversar, o que o fez retroagir da ideia.

Além disso, o governador eleito Mauro Mendes (DEM) parece ter entrado na jogada de forma discreta. Nos bastidores, a conversa é de que o democrata quer impedir que Janaína se fortaleça ainda mais dentro do Parlamento Estadual.

Ele acredita que, ela pode dar trabalho para o Executivo Estadual se fizer parte da Mesa Diretora. Mendes estaria levando em consideração a atuação dela como parlamentar durante essa administração, o que levou ela a ser a deputada mais votada na eleição deste ano.

Desta forma, além de Maluf, ainda continua na disputa pelo cargo de primeiro-secretário na chapa de Botelho o deputado estadual Max Russi (SD), que tem atuado mais nos bastidores, sem fazer muito alarde.

O presidente da Casa de Leis, entretanto, também estaria abrindo espaço para os novatos em sua chapa. Não está descartada a possibilidade de um deputado de primeiro mandato vir a ocupar a vaga de primeiro-secretário na próxima legislativa.

Com isso, o democrata o controle total do Parlamento Estadual, não precisando dividir o comando da Casa de Leis com os parlamentares veteranos. Entre os cotados estão o vereador Paulo Araújo (PP) e o agente penitenciário João Batista (PROS).

Vale lembrar que, por diversas vezes, Botelho afirmou que ocuparia a vaga de primeiro-secretário em sua chapa aquele deputado que obtivesse o maior número de votos dentre os demais parlamentares.

O democrata afirmou que ainda não está preocupado com esta questão, tendo em vista que a sua prioridade no momento é consolidar o seu nome para a disputa de presidente.

De acordo com ele, os componentes de sua chapa serão definidos apenas em janeiro. A eleição para escolha da nova Mesa Diretoria do Legislativo Estadual ocorre em 1ª de fevereiro, logo após a posse dos 24 eleitos. (KA)





Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/429609/visualizar/