Repórter News - reporternews.com.br
Variedades
Quinta - 25 de Abril de 2019 às 14:52
Por: G1 MT

    Imprimir


Lindi Elis Conceição Mariani toca violino há 9 anos — Foto: Lindi Elis Conceição Mariani/ Arquivo pessoal
Lindi Elis Conceição Mariani toca violino há 9 anos — Foto: Lindi Elis Conceição Mariani/ Arquivo pessoal

A violinista Lindi Elis Conceição Mariani, 22 anos, vai se apresentar em agosto em um festival de música, em São Petersburgo, na Rússia. A cuiabana é musicista profissional, aluna do Instituto Fernando Pereira em Mato Grosso, toca há nove anos, e é o quarto festival internacional que se apresentará.

A jovem instrumentista recebeu o convite para participar do Grand Piano in Palace Music Festival and Competition, em fevereiro, pelo professor argentino de violino, Alejandro Drago.

Ela já participou de dois festivais a convite dele, na República Tcheca, em Praga, no ano de 2015 e no Mississípi (EUA), em 2017. Em 2015, participou de outro festival em Caracas, na Venezuela.

Segundo Lindi, Alejandro a conheceu tocando em um festival de música em Poços de Caldas em Goiás, e lá mesmo ele a convidou para participar como uma aluna dele no festival na República Tcheca.

Lindi Mariani contou ao G1 que está feliz e eufórica com mais uma participação em um evento fora do país de origem.

‘’É uma alegria imensa, sinal que o trabalho está sendo reconhecido. E participar de um evento como esse é muito bom. Importante para ter referência de padrão qualidade, e para os jovens instrumentistas é muito aprendizado pois nosso estado está em construção musical’’, declarou.

Lindi e o professor Alejandro Drago — Foto: Lindi Elis Conceição Mariani/ Arquivo pessoalLindi e o professor Alejandro Drago — Foto: Lindi Elis Conceição Mariani/ Arquivo pessoal

Lindi e o professor Alejandro Drago — Foto: Lindi Elis Conceição Mariani/ Arquivo pessoal

Além de se apresentar no festival, ela participará de cursos e terá várias experiências com profissionais e artistas renomados do cenário musical, como Haik Kazazian, Michael Uzhegov, Luigi Sferrazza, Laya Loff e Alejandro Drago.

O músico e empresário, Fernando Marcos Pereira, é professor de Lindi desde quando ela iniciou os estudos na faculdade e o mentor, segundo ela. Ele disse ao G1 que ela é a aluna mais antiga dele, que sente orgulho e satisfação e que deseja a mesma trajetória dela para outros alunos.

O festival na Rússia acontecerá entre os dias 1º e 10 de agosto, com a duração de 10 dias.

Arrecadação de fundos

Lindi participará de um recital no dia 28 de abril, no Espaço Cultural Casa Cuiabana, na capital,m para arrecadar fundos para custear a viagem para a Rússia. A apresentação será no domingo e a entrada é grátis.

O espetáculo é uma apresentação dupla com parceria do amigo Raone Moura. Eles farão uma performance juntos e individualmente.

A violinista disse que está fazendo ensaios regulares para se apresentar no recital, mas que em julho começará a intensificar as aulas para se preparar para o festival em agosto.

Lindi está fazendo uma vaquinha online para tentar arrecadar R$ 4 mil e custear as despesas da viagem, como hospedagem, alimentação e cursos.

O Instituto Fernando Pereira foi criado em 2014, em parceria com o governo federal, e participa da formação de cerca de 250 alunos.

Os polos ficam em Rondonópolis, Nova Mutum, Lucas do Rio Verde e Campo Verde.





Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/431296/visualizar/