Publicidade
Repórter News - reporternews.com.br
Politica MT
Terça - 21 de Maio de 2019 às 18:01
Por: Da Assessoria/Dialum

    Imprimir


Presente em 139 dos 141 municípios mato-grossenses, o Partido Social Democrático (PSD) de Mato Grosso realizou convenções municipais em mais de 30 cidades do Estado, com o objetivo de transformar as comissões provisórias em diretórios municipais. Em Cuiabá, a chapa única foi eleita nesta segunda-feira (20), com Geraldo Macedo, líder da maçonaria em MT, como presidente e o vice-prefeito da Capital, Niuan Ribeiro como vice-presidente.

A chapa recebeu o nome de “Homero Florisbelo da Silva – Cuiabá em primeiro lugar”, que tem o militante que dá nome à chapa como presidente de honra do partido. No corpo executivo, o atual deputado estadual, Toninho de Souza, que no pleito de 2016 foi o vereador mais votado em Cuiabá, como secretário geral, além de Domingos Sávio Ribeiro como 1º tesoureiro, Edson Paulino de 2º tesoureiro, Fernando Medeiros como 1º vogal e Eliane de Lara Ferreira como 2ª vogal.

Geraldo Macedo, afirma que é hora de construir em conjunto com os grandes nomes dos partidos para ampliar ainda mais o número de representantes da sigla nos poderes executivos e legislativos municipais. “Para mim é motivo de alegria, uma honra ocupar esse espaço que o PSD entendeu que meu nome seria ideal para estar na presidência do partido. Agora, é trabalhar cada vez mais, organizar o partido para atender as demandas da população, estar mais próximo do cidadão, filiar mais pessoas no nosso projeto. Vamos construir para fortalecer ainda mais em conjunto com Toninho, Niuan, Fávaro para trabalhar em prol de 2020”, afirma.

Geraldo Macedo é empresário e atual grão mestre das grandes lojas no estado e uns dos principais líderes da maçonaria mato-grossense.

“É uma determinação da direção nacional, ter candidaturas próprias em todas as capitais e nas cidades com mais de 100 mil habitantes”, explica o secretário geral do PSD, Stephano Carmo. “Nós buscamos deixar a marca do PSD de gestão. Nossos prefeitos são extremamente bem avaliados. Em uma pesquisa divulgada recentemente, dos 10 prefeitos com melhor avaliação em Mato Grosso, seis são do PSD”, diz.

Carlos Fávaro, presidente da sigla em Mato Grosso, destaca que a composição dos diretórios municipais traz mais autonomia, liberdade e segurança jurídica para os afiliados da legenda.

“Estamos consolidando uma metodologia implementada com nosso grupo político desde que assumi o PSD, que acabou o caciquismo e autoritarismo partidário que deixa os filiados com pouca voz ativa. Nós não queremos isso. Queremos filiados ativos, escolhendo seus destinos nos municípios. Fizemos o compromisso de transformar todos as comissões provisórias em diretórios municipais e neste final de semana, numa festa democrática, mais de 30 cidades já possuem diretórios e finalizamos hoje em Cuiabá. O objetivo é ocupar mais espaços e ampliar nossa sigla. Assim que se faz política e esse é o legado que queremos deixar”, disse Fávaro.

Atualmente com 26 prefeitos, o PSD é o partido que possui o segundo maior número de gestores municipais em MT, além dos 21 vice-prefeitos e 268 vereadores. Niuan Ribeiro, vice-prefeito de Cuiabá eleito como vice-presidente do PSD Cuiabá, admite que essa é a fase de construção de bases.

“Essa é um construção democrática para as eleições de 2020, uma fase de fortalecimento do partido, construção das bases nos municípios para formar as chapas de vereadores, e no caso de Cuiabá garantir o maior número de representatividade na Câmara”, comenta.

Toninho de Souza, deputado estadual eleito como secretário geral do PSD Cuiabá, afirma que o retrato da união do partido em Cuiabá é reflexo do que acontece no estado e acredita que mobilização da sigla evidencia o alto nível de engajamento do partido.

“A nossa próxima missão em Cuiabá é fortalecer uma chapa de vereadores para que tenhamos no mínimo 3 vereadores eleitos em 2020 na capital, além de termos um nome forte para disputar a prefeitura de Cuiabá. Toda essa mobilização no estado com diretórios permanentes mostra o engajamento do partido, quem acreditava que o partido estava morto, se enganou”, confirma.





Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/431705/visualizar/