Repórter News - reporternews.com.br
Judiciário e Ministério Público
Quinta - 10 de Outubro de 2019 às 07:20
Por: G1 MT

    Imprimir


WhatsApp será utilizado para intimar pessoas em Cuiabá e Várzea Grande. — Foto: TJ-MT
WhatsApp será utilizado para intimar pessoas em Cuiabá e Várzea Grande. — Foto: TJ-MT

A partir desta terça-feira (8), os cidadãos que têm processos em tramitação em um dos 12 Juizados localizados nas Comarcas de Cuiabá e Várzea Grande já poderão se habilitar para receber intimação por WhatsApp.

Para ter acesso ao serviço, as pessoas devem ir até a unidade judiciária onde tramita o processo e solicitarem ao servidor que quer fazer sua adesão à nova ferramenta. A opção não é obrigatória, por isso, aqueles que se interessarem devem assinar um termo de compromisso no momento da opção.

A regulamentação da ferramenta foi feita em 24 de junho, com a publicação da portaria que traz as regras para a utilização do aplicativo de celular. De lá para cá, a Corregedoria-Geral da Justiça desenvolveu fluxos para o processo da intimação, identificou as unidades que poderiam trabalhar no piloto da implantação (juizados de Cuiabá e Várzea Grande) e ainda confeccionou o manual de intimação por Whats.

Nessa terça-feira foram entregues os aparelhos telefônicos com as linhas que vão ser utilizadas no trabalho.

O presidente do TJMT, desembargador Carlos Alberto Alves da Rocha, destaca que a ferramenta está sendo aprimorada para melhorar a entrega dos serviços à população. “Queremos que essa ferramenta seja utilizada por esses Juizados de forma efetiva e célere. Quem ganha com isso é a população, em especial, aqueles que estão com seus processos nos Juizados que, ao ser intimados, via WhatsApp, terão o prazo correndo de forma muito mais rápida.”

O corregedor-geral, Luiz Ferreira da Silva, complementou afirmando que a ideia é facilitar o máximo possível a vida de todos aqueles que têm processos no Primeiro Grau e também de quem trabalha nessas unidades.

Ele explica ainda que inicialmente, a intimação pelo aplicativo é voltada para as partes, mas futuramente também estará disponível para os advogados que se dispuserem a ser intimados dessa forma.





Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/433416/visualizar/