Publicidade
Repórter News - reporternews.com.br
Cidades/Geral
Quinta - 07 de Novembro de 2019 às 09:44
Por: Luciane Mildenberger/Da Assessoria

    Imprimir


O fim do ano está chegando e cresce o consumo de espumantes, vinhos e cervejas, além, é claro, dos itens que fazem parte das cestas natalinas. No período de confraternizações de empresas, festas em família e encontros entre amigos, as bebidas e os produtos das cestas são presenças confirmadas. A expectativa do setor atacadista é de que a procura aumente significativamente o volume de vendas, em comparação à mesma época do ano passado.

O espumante, segundo Rogério Muchão, gerente comercial do Fort Atacadista em Mato Grosso, é sem dúvida a bebida mais consumida, pois tem o efeito borbulhante característico das comemorações de Natal e Reveillón, porém, outros tipos de vinhos também são bastante comercializados na época. “O consumo do espumante vem crescendo a cada ano. O consumidor está com o paladar um pouco mais apurado e deixa de adquirir a cidra para comprar o espumante, como o Moscatel”, explica o gerente comercial.

O espumante ou frisante é um tipo de vinho com alto nível de dióxido de carbono, que durante a fermentação natural, produz o efeito de bolhas. Outros tipos de vinhos, como os tintos, os brancos e os roses, classificados em de mesa, finos ou nobres, especiais e comuns, também são procurados no período das festas de fim de ano. “Para os vinhos, depois do período de inverno, são a segunda melhor época para se vender, quando os consumidores procuram mais”, ressalta Muchão.

O gerente comercial explica que os mais procurados no Fort Atacadista em Cuiabá e Várzea Grande são os tintos MaCool e Paso Grande, do Chile, e o português Periquita. Quanto aos valores, os consumidores podem adquirir espumantes e vinhos nas lojas do Fort Atacadista com preços que variam entre R$ 26 e R$ 45.

Já para os consumidores que não abrem mão da cerveja, que não tem época específica no Brasil para o consumo, principalmente em Mato Grosso devido ao calor, cresce a procura pelas cervejas artesanais e puro malte. “As cervejas, de modo geral, vendem bem o ano todo. Nessa época, o foco maior é nas de puro malte e artesanais. O consumidor paga um pouco mais, mas como é período de comemoração acaba investindo”, comenta Muchão.

Cestas Natalinas

Os estoques de espumantes, vinhos e cervejas já começaram a chegar às unidades do Fort Atacadista em Cuiabá e Várzea Grande e para aqueles que pretendem presentear amigos e/ou funcionários com cestas natalinas é importante realizar a encomenda antecipada.

“O cliente pede como quer a cesta, porque envolve outros itens também, e nós montamos. Recomendamos entrar em contato e fazer a encomenda o quanto antes para não correr o risco de ficar sem, já que a procura nessa época é grande”, conclui o gerente comercial.

As unidades do Fort Atacadista em Mato Grosso estão presentes na avenida Fernando Corrêa da Costa e Miguel Sutil, em Cuiabá, e na avenida da FEB, em Várzea Grande.

Fotos: Assessoria






Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/433788/visualizar/