Repórter News - reporternews.com.br
Cidades/Geral
Sexta - 15 de Novembro de 2013 às 20:41

    Imprimir


A câmara fez a primeira reunião de trabalho para discutir ações para evitar que menores se envolvam com álcool, drogas e violência. As discussões são resultado das ações desenvolvidas pela comissão especial, criada para acompanhar os trabalhos de divulgação da lei Toque de Proteger e do projeto De bem com a Vida, sem álcool e sem violência, desenvolvido pela Polícia Civil em todo o Estado. O encontro com as entidades serviu para informar às instituições que a lei yoque de proteger passará se aplicada e ainda pudessem conhecer o projeto de bem com a vida. O objetivo é para que a entidades, assim como a câmara, abracem a causa e apoiem as ações.



Uma das ações que já estão definidas é a caminhada Toque do Bem, onde os apoiadores irão percorrer a avenida Júlio Campos, conscientizando jovens sobre os perigos do álcool e das drogas e sobre a lei Toque de Proteger. Ação que deverá ser realizada ainda este mês. Além das ruas, a meta é visitar nos bairros, locais frequentados por jovens. Entidades como Lojas Maçônicas, Rotary, Codenorte, Conselho Tutelar, Corpo de Bombeiros, Tiro de Guerra, base comunitária Boa Esperança, além da PM também participaram das discussões. Porém para algumas, a adesão ainda terá que ser discutida com os demais membros, embora tenham manifestado interesse em apoiar as ações.


 
"É nossa função colaborar para a segurança pública, essa é a nossa finalidade, pois sempre buscamos viabilizar aquilo que o Estado deixa de fazer. Então vamos ajudar nesse projeto e colaborar", disse o presidente do conselho municipal de segurança, Aloísio Pereira de Barros.


 
"A câmara está preocupada com toda essa situação, pois estamos perdendo nossos jovens para a criminalidade, para as drogas e para o álcool. Precisamos reverter essa situação e só com o apoio de todos, com ações de conscientização e aplicação da lei, poderemos vencer essa batalha", convocou a presidente da comissão, vereadora Josi Palmasola.





Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/4385/visualizar/