Publicidade
Repórter News - reporternews.com.br
Economia
Sábado - 19 de Dezembro de 2020 às 10:16
Por: Carlos Gustavo Dorileo/Olhar Direto

    Imprimir


Foi aprovado nesta quinta-feira (17) pelo Conselho Estadual de Desenvolvimento Econômico de Mato Grosso (Codem), órgão de caráter consultivo, vinculado a Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico de Mato Grosso, a liberação de R$ 310.432.572,44 para empresas de Mato Grosso via o Fundo Constitucional do Centro-Oeste (FCO). Desse total R$ 121.870.544,23 foram destinados para o FCO Empresarial e R$ 188.562.028,21 para o FCO Rural.

"São recursos a serem destinados para empresas situadas em todo o estado de Mato Grosso. O FCO é uma das principais ferramentas para o fomento da economia, bem como para geração de emprego e renda, e também da diminuição das desigualdades sociais. A política de desenvolvimento de Mato Grosso está sendo efetivada nesse Governo", afirmou César Miranda, secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico de Mato Grosso, presidente do Codem.

Os projetos aprovados nesta 2º reunião extraordinária do FCO Empresarial e Rural poderão gerar 2.222 empregos diretos e 4.655 indiretos nas áreas de comércio e serviços, indústria, infraestrutura e turismo; e também para empresas agrícolas de pequeno, médio e grande produtor.

"Os valores aprovados pelo Conselho do FCO vão servir para aportes em investimentos, para custeio e inserção de capital de giro para empresas dos segmentos empresarial e rural. Os recursos estão chegando para os empreendedores, para quem está investindo, para quem contribui com o desenvolvimento regional. O Governo de Mato Grosso fomenta a economia do estado através de políticas públicas que contribuem com o aumento da capacidade produtiva dos estabelecimentos empresariais e rurais", destacou César Miranda.

Além da aprovação das cartas consultas, foi mostrado pelo Superintendente do Banco do Brasil, Oberti Finger, os números contratados do FCO Empresarial e Rural até outubro de 2020 que totalizam R$ 1.920 bilhão para o estado de Mato Grosso. Desse total, das contratações por porte, 83% foram destinados para o mini e pequeno empreendedor rural e 76% foram designados para o micro e pequeno empresário.

"Esses números demonstram que o FCO está cumprindo seu papel de auxiliar no desenvolvimento de Mato Grosso, permitindo que os recursos sejam acessados por clientes de todos os portes, especialmente os pequenos", pontuou o superintendente Oberti.

A 2ª reunião extraordinária do Codem foi realizada nesta quinta-feira (17) por videoconferência, respeitando as normas de segurança para evitar a contaminação pelo novo coronavírus (Covid-19).

FCO

O Fundo Constitucional do Centro Oeste (FCO) é um conjunto de financiamentos que possuem taxas de juros, limites, prazos de pagamento e de carência diferenciados para os setores empresariais e rurais.

O FCO Rural é voltado para produtores rurais, pessoas físicas e jurídicas, cooperativas e associações do setor produtivo agropecuário e agroindustrial com empreendimentos na região Centro-Oeste.

O FCO Empresarial tem como público-alvo empresários que desenvolvem atividades nos setores industriais, agroindustrial, mineral, de turismo, de infraestrutura, comércio e serviços localizados na região Centro-Oeste.

Codem

O Conselho Estadual de Desenvolvimento Econômico de Mato Grosso (Codem) é formado por representantes do governo estadual, entidades do segmento agropecuário, empresarial, industrial e da sociedade civil e tem como finalidade manifestar-se sobre a elaboração, adoção, implementação e coordenação de políticas, estudando, opinando e propondo o planejamento e as diretrizes estratégicas, servindo de instrumento de diálogo e articulação entre os órgãos e instituições do setor público e privado e fortalecendo a governança local para que as políticas adotadas possam estimular o desenvolvimento econômico do Estado de Mato Grosso. O Codem é vinculado à Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (Sedec).

Os seguintes órgãos tem representantes no Codem: Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (Sedec); Secretaria de Estado da Agricultura Familiar (Seaf); Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz); Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema); Procuradoria-Geral do Estado (PGE); Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Mato Grosso (Famato); Federação das Indústrias no Estado de Mato Grosso (Fiemt); Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Mato Grosso (Fecomércio).





Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/439734/visualizar/