Publicidade
Repórter News - reporternews.com.br
Saúde
Quarta - 13 de Janeiro de 2021 às 08:09

    Imprimir


Dados divulgados pela Secretaria de Estado de Saúde na terça-feira (12) apontam que Mato Grosso registrou aumento de 325% no número de mortes causadas pela dengue durante a pandemia da covid-19.

De acordo com o informe epidemiológico número 30, com dados colhidos até 2 de janeiro, as mortes pela doença no estado saltaram de quatro, em 2019, para 17, em 2020. Além disso, outros oito óbitos seguem em investigação.

Segundo o levantamento, o risco da doença é classificado como alto em Mato Grosso. Em números absolutos, 30.050 casos da doença foram registradas em 2020, contra 9.669 em 2019.

Ainda conforme o balanço, Sinop (500 km ao norte de Cuiabá) foi a cidade que registrou mais óbitos pela doença, tendo notificado quatro mortes.

Os outros municípios com vítimas fatais foram: Brasnorte; Cáceres; Campo Novo do Parecis; Chapada dos Guimarães; Lucas do Rio Verde; Novo Mundo; Peixoto do Azevedo; Primavera do Leste; Rondonópolis; União do Sul; Vera e Várzea Grande.

Além da dengue, casos de zika também aumentaram no estado no mesmo período. Em 2019, Mato Grosso notificou 430 ocorrências enquanto em 2020 foram 800. Apesar da alta, os indicadores apontam que o risco da doença segue baixo.

Paralelamente, a chikungunya apresentou baixa em Mato Grosso entre 2019 e 2020. No primeiro período, foram 960 casos enquanto no segundo foram 762. A classificação também aponta risco baixo.





Fonte: Gazeta Digital

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/439940/visualizar/