Publicidade
Repórter News - reporternews.com.br
Internacional
Sexta - 15 de Novembro de 2013 às 07:54

    Imprimir


O governo da Argentina expressou nesta quinta-feira seu "apoio incondicional" ao Paraguai para facilitar sua volta ao Mercosul, disse o chefe de Gabinete Juan Manuel Abal Medina durante um encontro bilateral.


 
"Reiteramos nosso forte interesse de que o Paraguai reative da forma mais rápida a sua participação nas deliberações dos diferentes órgãos do Mercosul. A Argentina oferece ao Paraguai o seu apoio incondicional para facilitar o relacionamento com os outros sócios", afirmou Abal Medina.


 
O chefe de Gabinete abriu junto com os chanceleres da Argentina, Héctor Timerman, e do Paraguai, Eladio Loizaga, a "Primeira Reunião Binacional de ministros e governadores da Fronteira Comum", que foi realizada a portas fechadas na sede da Chancelaria argentina.


 
O Paraguai foi suspenso como membro do Mercado Comum do Sul (Mercosul) na cúpula de junho de 2012, por decisão dos outros sócios plenos Argentina, Brasil e Uruguai, em rejeição à destituição do presidente Fernando Lugo em um julgamento político de 48 horas.


 
Na mesma cúpula a Venezuela foi incorporada ao bloco. A entrada desse país era travada exatamente pelo Senado paraguaio.




Fonte: AFP

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/4428/visualizar/