Publicidade

Publicado em Quinta - 29 de Novembro de 2018 | por Agência Brasil

PGR quer tirar foro privilegiado de políticos que não se reelegeram

A procuradora observou ainda que as investigações de caixa dois referentes a dez parlamentares devem permanecer no STF e continuar como petições autônomas, devido a peculiaridades apontadas em cada doação eleitoral, conforme relatos prestados pelos colaboradores da J&F durante o processo.

Leia mais...

O presidente Michel Temer - Fabio Rodrigues Pozzebom/Arquivo Agência Brasil
O presidente Michel Temer - Fabio Rodrigues Pozzebom/Arquivo Agência Brasil

Temer diz que sociedade não pode tolerar agressões contra as mulheres

Publicado em Domingo - 25 de Novembro de 2018 | por Por Ana Cristina Campos – Repórter da Agência Brasil

A secretária-geral adjunta das Nações Unidas e diretora da ONU Mulheres, Phumzile Mlambo-Ngcuka, disse ser “absolutamente inaceitável que a grande maioria dos autores de violência contra mulheres e meninas fique impune”.

Leia mais...

Antioxidante retarda a oxidação em ração de peixes e evita prejuízos econômicos em sua produção

Publicado em Quinta - 22 de Novembro de 2018 | por Lúcia Nunes/Da Assessoria

Leia mais...

Como funciona a terceirização de atividade-fim nas empresas?

Publicado em Quinta - 22 de Novembro de 2018 | por Lucia Nunes/Da Assessoria

Leia mais...
Marcello Casal Jr./Agência Brasil
Marcello Casal Jr./Agência Brasil

Ninguém acerta a Mega-Sena e prêmio acumulado é R$ 70 milhões

Publicado em Quinta - 22 de Novembro de 2018 | por Agência Brasil

Os 97 apostadores que acertaram a quina vão levar R$ 34,4 mil cada e as 7.549 apostas que acertaram a quadra vão ganhar R$ 633,2 cada.

As apostas podem ser feitas até as 19h (horário de Brasília) do dia do sorteio, em qualquer casa lotérica credenciada pela Caixa em todo o país. A aposta mínima custa R$ 3,50.

Leia mais...
Cristiane Machado e Sergio Thompson-Flores
Cristiane Machado e Sergio Thompson-Flores

Cristiane Machado desabafa sobre agressões de ex

Publicado em Quinta - 22 de Novembro de 2018 | por Da Querm

No momento, ele é considerado foragido depois de ter tido a prisão preventiva decretada pela Justiça por tentativa de feminicídio contra Cristiane. "Eu pensei: 'ou eu morro, ou eu denuncio'", lembra ela, fazendo um apelo às pessoas. "Peço que as pessoas o denunciem caso saibam onde ele está.

Leia mais...

Texto-base de projeto sobre distrato imobiliário é aprovado no Senado

Publicado em Quarta - 21 de Novembro de 2018 | por Agência Brasil

Pelo projeto de lei, o atraso de até 180 dias para a entrega de um imóvel não gerará ônus para a construtora. Entretanto, se houver atraso maior na entrega das chaves, o comprador poderá desfazer o negócio, tendo direito a receber tudo o que pagou de volta, além da multa prevista em contrato, em até 60 dias. Se não houver multa prevista, o cliente terá direito a 1% do valor já desembolsado para cada mês de atraso.

Leia mais...

Inscrições para o Programa Mais Médicos começam nesta quarta-feira

Publicado em Quarta - 21 de Novembro de 2018 | por Agência Brasil

De acordo com o Ministério da Saúde, os profissionais habilitados podem se inscrever por meio do site maismedicos.gov.br. O início das atividades está previsto para 3 de dezembro. São ofertadas 8.517 vagas para atuação em 2.824 municípios e 34 Distritos Sanitários Especiais Indígenas (DSEI), que antes eram ocupadas por médicos da cooperação com Cuba. As vagas serão preenchidas por ordem de inscrição.

Leia mais...
Dias Toffoli e Raul Jungmann assinam convênio para criação do sistema que unifica os processos de execução da pena no país - Wilson Dias/Agência Brasil
Dias Toffoli e Raul Jungmann assinam convênio para criação do sistema que unifica os processos de execução da pena no país - Wilson Dias/Agência Brasil

Jungmann e Toffoli anunciam sistema para unificar processos de presos

Publicado em Sábado - 17 de Novembro de 2018 | por Por André Richter - Repórter da Agência Brasil

De acordo com Jungmann, a unificação dos processos vai ajudar no combate ao crime organizado que atua dentro e fora das penitenciárias. Segundo o ministro, atualmente não é possível saber a quantidade de condenações que um preso possui em estados diferentes do país. Além disso, em alguns casos, não é possível nem saber se o detento já cumpriu a pena integralmente ou tem direito a algum benefício previsto em lei.

Leia mais...