Publicidade
Repórter News - reporternews.com.br
Cidades/Geral
Quarta - 24 de Outubro de 2007 às 09:06
Por: Wisley Tomaz

    Imprimir


Conselho Gestor do MT-Floresta, em reunião extraordinária na Seder-MT, em Cuiabá. Extraordinária no final da tarde de terça-feira (23.10), vinte e quatro projetos de reflorestamento com a cultura da serigueira que atenderão municípios de diferentes regiões do Estado. No total serão liberados recursos na ordem de mais de R$ 5 milhões, que beneficiarão mais de 900 famílias de pequenos produtores da agricultura familiar. Na semana passada foram aprovados projetos de recuperação de áreas degradadas e de pesquisa, em Reunião Ordinária.

Com as mesmas características e com o título: “Diversificação e Consciência Ambiental: Agricultura Familiar e Reflorestamento”, os projetos têm como objetivos à diversificação da agricultura substituindo culturas anuais e pastos por culturas perenes de reflorestamento, buscando, assim, à sustentabilidade de um mercado que além de contemplar o meio ambiente trará aumento de renda para pequenos produtores da agricultura familiar. Entre os municípios que receberão os recursos, estão, por exemplo: Denise, onde 100 famílias serão beneficiadas com a plantação da seringueira em suas mini e pequenas propriedades. Em Gaúcha do Norte, 134 famílias de pequenos produtores; Nova Marilândia, 134; Rondonópolis, 50, entre outras.

A reunião foi presidida pelo secretário Neldo Egon Weirich, presidente do Conselho Gestor, e contou com a presença de 12 conselheiros, entre eles os secretários de Estado, Yênes Magalhães (Planejamento e Coordenação Geral) e Chico Daltro (Ciência e Tecnologia). Também estavam presentes os prefeitos de Gaúcha do Norte, Edson Harold Wegner, e Denise, Israel Antunes Marques, além de representantes da Associação Mato-Grossense dos Municípios (AMM), parceira do MT-Floresta na elaboração e efetivação dos projetos de reflorestamento juntos às famílias de pequenos produtores rurais. Antes da votação o coordenador de desenvolvimento econômico da AMM, Farid Tenório, fez uma explanação de como estão sendo planejados os projetos e sua metodologia, junto aos municípios que fazem parte dos Consórcios Intermunicipais.

Logo após a aprovação dos projetos, o secretário Neldo Weirich ressaltou sua importância, tanto para o Estado, como para os municípios e as famílias de pequenos produtores que serão beneficiados com os recursos do MT Floresta. “O Governo do Estado de Mato Grosso, por meio da Seder e do MT Floresta, tem uma preocupação especial com as questões ambientais relacionadas ao florestamento, reflorestamento e manejo florestal. Por isso, a liberação de recursos para projetos dessa natureza são fundamentais, já que esses investimentos vão para uma atividade produtiva rural que hoje pode ser comparada com todas as outras”, avalia o secretário.





Fonte: Assessoria-Seder

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: https://reporternews.com.br/noticia/201660/visualizar/