Publicidade
Repórter News - reporternews.com.br
Policia MT
Segunda - 01 de Fevereiro de 2010 às 15:22
Por: Fabiane Rewel

    Imprimir


A Polícia Civil de Campinápolis e Nova Xavantina (658 e 645 Km a Leste) desencadeou uma operação para prender três acusados de um homicídio ocorrido no município de Campinápolis, no dia 22 de junho de 2008. A vítima Osmar de Souza Lima, de 37 anos, foi executada com um tiro na cabeça. Após mais de um ano de investigações, a “Operação Aliança” chegou ao nome de três suspeitos. Wilhan Pereira da Silva, de 25 anos, que seria o autor dos disparos, juntamente com Renato de Morais, além de uma provável participação de Valéria Pereira de Lima, esposa da vítima e prima de Wilhan.

Os três acusados foram presos em cumprimento ao mandado de prisão preventiva, expedido pela Comarca de Campinápolis. No decorrer do processo investigatório levantou-se que Wilhan estava foragido e residia no Distrito Federal. Após a prisão de Wilhan pela Polícia Civil de Brasília, policiais civis de Mato Grosso foram ao Distrito Federal para trazer o preso de volta ao Estado.

Valéria foi presa no último dia 28 de janeiro em Campinápolis e Renato, conhecido como “Taba”, preso no dia 29 do mesmo mês, por policiais civis de Nova Xavantina. Segundo o delegado de Campinápolis, Geraldo Gezoni, os suspeitos já estão na Cadeia Pública de Nova Xavantina, a disposição do Poder Judiciário.

O nome “Aliança” foi dado uma vez que a Operação envolveu policiais civis do Estado de Mato Grosso, sendo delegacia municipal de Campinápolis e Nova Xavantina, sob o comando do Diretor do Interior, Jales Batista e delegado Geraldo Gezoni, policiais militares de Campinápolis, Polícia Civil do Distrito Federal e Poder Judiciário.






Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: https://reporternews.com.br/noticia/144064/visualizar/