Publicidade
Repórter News - reporternews.com.br
Economia
Quarta - 20 de Abril de 2005 às 06:49
Por: Prscila Arone

    Imprimir


São Paulo - O Índice de Preços do Consumidor (IPC) que mede a inflação do município de São Paulo, apurado pelo Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) da USP, foi de 1% na segunda quadrissemana de abril, o maior desde a terceira quadrissemana de agosto de 2004, quando a inflação do período foi de 1,03%. O porcentual ficou ligeiramente acima do registrado na primeira prévia do mês, quando o índice foi de 0,98%. A inflação ficou dentro das expectativas dos 16 analistas ouvidos pela Agência Estado - entre 0,80% e 1,06% - mas, mais uma vez, muito próximo do teto das previsões. Como previu a maior parte dos analistas consultados, o grupo Transportes registrou o maior impacto dentre os itens pesquisados, com alta de 3,41%. A variação, porém, foi menor do que apurada na pesquisa divulgada na semana passada, quando o grupo teve alta de 4,42%.

Saúde avançou 1,03%, acima da alta de 0,78% da primeira quadrissemana. Alimentos, que na primeira prévia teve alta de 0,56%, apresentou variação de 1% na pesquisa divulgada esta manhã. Vestuário também apresentou aumento maior de preços em relação ao período anterior. O grupo subiu 0,56%, ante alta de 0,43% na primeira prévia do mês.

Despesas pessoais registrou variação de 0,34%, maior do que o 0,27% da pesquisa anterior. O grupo Habitação subiu 0,26%, acima do 0,13% da primeira prévia. Já Educação registrou variação menor na comparação com os resultados a quadrissemana anterior. O grupo teve alta de 0,09%, ante aumento de 0,13% na primeira prévia. Veja as variações dos itens que compõem o IPC: Habitação: +0,26%; Alimentação: +1,00%; Transportes: +3,41%; Despesas Pessoais: +0,34%; Saúde: +1,03%; Vestuário: +0,56%; Educação: +0,09%; Índice Geral: +1,00%.





Fonte: Agência Estado

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: https://reporternews.com.br/noticia/345109/visualizar/