Publicidade
Repórter News - reporternews.com.br
Carros & Motos
Terça - 15 de Fevereiro de 2011 às 09:30

    Imprimir


Em 2010, 34,9% dos veículos esperados pela Prefeitura de São Paulo deixaram de fazer a inspeção veicular.

Do total de 4,704 milhões de veículos esperados, 3,063 milhões compareceram. Foram aprovados 2,947 milhões, ou 96,2% dos que passaram pela inspeção.

A prefeitura não considera toda a frota cadastrada no Detran (Departamento Estadual de Trânsito), que beira os 7 milhões de veículos.

A administração considera "frota alvo" para a inspeção um número cerca de 30% menor que o da frota registrada --seria a que efetivamente circula pela cidade.

Os demais, aponta a prefeitura, seriam veículos roubados ou abandonados que já não circulam mais, mas continuam registrados no órgão de trânsito.

LICENCIAMENTO

O licenciamento de 2011 está bloqueado para quem não fez ou não foi aprovado na inspeção veicular de 2010. Para desbloquear é preciso pagar taxa extra, além do valor cobrado pela inspeção. E, claro, ser aprovado no teste.

Além disso, quem não estiver com a inspeção em dia está sujeito a multa de R$ 550, caso seja parado numa blitz.

No ano passado, 116.412 veículos não conseguiram ser aprovados na inspeção, o equivalente a 3,8% do total.

O maior índice de reprovações é entre os caminhões: 14,8%. Automóveis de passeio têm o maior percentual de aprovações, com 96,4%.

Foram aprovados de cara, já na primeira inspeção, 76,5% dos veículos, segundo a Secretaria do Verde e Meio Ambiente, que divulgou ontem o balanço de 2010.

Entre os caminhões, a maior parte --53,9%-- foi reprovada na primeira inspeção e teve de voltar ao menos uma vez para refazer o teste.






Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: https://reporternews.com.br/noticia/102056/visualizar/