Publicidade
Repórter News - reporternews.com.br
Meio Ambiente
Quarta - 11 de Abril de 2007 às 14:40

    Imprimir


O aquecimento global vai prejudicar a cultura de povos caçadores do Ártico, derreter o gelo polar e, talvez, liberar o lixo tóxico que hoje está depositado no permafrost, a camada de terra congelada. As afirmações fazem parte de um estudo da Organização das Nações Unidas divulgado nesta quarta-feira.

O trabalho, que apresenta os detalhes regionais de um estudo global divulgado no dia 6 de abril, em Bruxelas, também afirmou que os estoques de peixe do Ártico e as florestas podem ser afetados pelo aquecimento que acontece na região ártica a um ritmo que é quase o dobro da média global.

"Prevêem-se mudanças drásticas nas vidas e no sustento das comunidades do Ártico, a menos que sejam tomadas medidas urgentes para reduzir os gases-estufa", disse o Programa Ambiental da ONU num comunicado. A elevação da temperatura também ameaça animais, como ursos polares e focas, que vivem no gelo.

Entre os problemas em terra, o derretimento do permafrost "deve ter implicações significativas para a infra-estrutura, incluindo casas, edifícios, estradas, ferrovias, gasodutos e oleodutos", afirmou o documento. "A natureza impenetrável do permafrost vem sendo usada como elemento de segurança em aterros sanitários e em instalações de empresas contaminantes", disse o texto.

O derretimento do permafrost poderia causar "grave contaminação" e "grandes custos de limpeza, mesmo para vazamentos relativamente pequenos", afirmou o estudo. A ex-União Soviética despejou lixo na região. Segundo o relatório, a área de permafrost no hemisfério norte deve diminuir entre 20% e 35% até 2050.

"Os custos de realocar cidades e vilarejos podem ser altos. Já se estimou que a realocação de uma cidade como Kivalina, no Alasca, custaria US$ 54 milhões." As florestas do norte poderiam crescer mais rápido, mas ficariam sujeitas a incêndios e aos ataques de insetos prejudiciais, que normalmente são afastados pelo gelo.





Fonte: Reuters

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: https://reporternews.com.br/noticia/232811/visualizar/