Repórter News - reporternews.com.br
Economia
Quinta - 17 de Dezembro de 2009 às 07:39
Por: Fabiana Reis

    Imprimir


No balanço de emprego e desemprego de novembro, apenas os setores de comércio e de serviços registraram números positivos. De acordo com o Caged, o setor comercial teve um saldo de 1,523 mil, diferença de 7,652 mil admissões e 6,129 mil demissões. O saldo deste ano é 131,1% maior que o número registrado em novembro do ano passado, quando somou 659 postos com carteira assinada. O outro dado positivo ficou com o setor de prestação de serviços. As contratações somaram 5,038 mil e as demissões ficaram em 4,826 mil, um saldo de 212 postos de trabalho celetistas.

O vice-presidente da Federação do Comércio, Bens e Serviços de Mato Grosso (Fecomércio-MT), Hermes Martins, afirma que o desempenho tem uma dose de contribuição das contratações temporárias que surgem nos dois últimos meses do ano. Segundo ele, em dezembro os números devem ser também positivos, demonstrando um aquecimento do setor. Ao longo do ano, o setor comercial também apresenta saldo significativo, de 4,570 mil vagas, para demissões de 73,891 mil trabalhadores e 78,461 mil admissões. "A prestação de serviços também vem crescendo no Estado, puxado pelo setor agropecuário, que demanda outras atividades. E com isso está havendo crescimento nos setores com uniformidade".

O economista Anaor Carneiro pontua que do total de trabalhadores contratados no fim do ano, pelo menos 10% serão efetivados em janeiro e fevereiro. A Fecomércio-MT estima que serão contratados neste fim de ano cerca de 4,5 mil pessoas, que ajudarão no atendimento à demanda, que naturalmente cresce com as vendas de Natal.

Para 2010, Anaor Carneiro acrescenta ainda que a demanda por trabalhadores no Estado continuará aquecida, mas observa que haverá uma tendência para a contratação de pessoas qualificadas. "Haverá uma necessidade de se trabalhar na capacitação dos candidatos a uma vaga no mercado de trabalho. E Mato Grosso conta com vários órgãos que atuam nesta área".(Leia mais na Página 4)





Fonte: A Gazeta

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/148301/visualizar/