Publicidade
Repórter News - reporternews.com.br
Politica Brasil
Quarta - 21 de Janeiro de 2009 às 14:23

    Imprimir


Na última terça-feira, dia (20), no Plenário Artur Arvelino Ferreira em Alto Paraguai, os vereadores se reuniram para votar à prestação de contas do ex-prefeito Sr. Umbelino Alves Campos (PP). A referida sessão teve início às 8h35 da noite, com maciça presença da população.

Após leitura da ata de posse e também do relatório realizado pelos auditores fiscais do Tribunal de Contas do Estado (TCE), os vereadores presentes tiveram oportunidade de discursar e expor sua opinião. Apesar do relatório ter apontado inúmeras irregularidades, como por exemplo: falta do regimento interno da Secretaria Municipal de Saúde, preenchimento de cargos sem a autorização, pagamento de prestação de serviços à pessoa jurídica sem licitação ou qualquer outro tipo de contrato, favorecimento a terceiros, obstrução do FUNDEB entre muitos outros.

O ex-prefeito, sem muitos argumentos, tentou sensibilizar os vereadores e populares. "Me transformei em um réu". Para desviar o foco dos erros apontados no relatório, Campos atacou os auditores, "Os auditores não conhecem a realidade do município". O vereador Ivo Ramos dos Santos, tentou justificar os erros apontados em uma possível falta nos cálculos, "erros nos cálculos de arrecadação podem explicar".

Em seguida, o vereador Júlio Magalhães justificou dizendo que o município não tem recursos suficientes o que inviabiliza qualquer forma de corrupção, "aqui não tem espaço para corrupção, por ser um município pequeno e sem recursos". Após todos terem feito uso da palavra, o presidente da Câmara vereador Tuchinha, deu início à votação. Onde por seis votos e três, as contas do ex-prefeito foram rejeitadas. No momento em que foi encerrada a sessão, os presentes comemoraram o resultado.





Fonte: O Divisor

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/165975/visualizar/