Repórter News - reporternews.com.br
Saúde
Sexta - 09 de Janeiro de 2009 às 13:00
Por: Jesiel Pinto

    Imprimir


A parceria que a Secretaria de Estado de Saúde de Mato Grosso (SES/MT) mantém com o Hospital Geral Universitário (HGU) resultou na abertura de Programas de Residências Médicas que vêm aumentar a oferta de serviços prestados por profissionais médicos especializados agregando qualidade ao atendimento aos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS). A parceria com a SES/MT contribuiu, ainda, para que o HGU se tornasse referencia no Estado como hospital de média e alta complexidade no atendimento aos pacientes do SUS.

Como resultado dessa parceria, estão abertas, a partir do dia 19 de Janeiro de 2009, inscrições para três novos programas de Residência Médica com especialização em Cardiologia, Neurocirurgia e Ortopedia/Traumatologia. Serão abertas três vagas para especialização em Ortopedia/Traumatologia, com três anos de duração, uma vaga para Neurocirurgia, com cinco anos de duração, e duas vagas para Cardiologia, com dois anos de duração.

As inscrições começam no dia 19 e terminam no dia 20 de Janeiro. No dia 22 de Janeiro serão realizadas as provas que incluem questões de múltipla escolha. Se forem aprovados os candidatos ainda passarão por uma análise curricular. Os aprovados no processo seletivo receberão uma bolsa de estudos no valor de R$ 1.900,00, mensais, durante o período em que a Residência durar. A Residência terá inicio a partir de 02 de Fevereiro de 2009.

No ato de inscrição os candidatos deverão apresentar RG, CPF, Diploma Médico (para vagas de Neurocirurgia e Ortopedia/Traumatologia), e Certificado de Residência em Clínica Médica, em programa credenciado pelo Ministério da Educação (para a vaga de Cardiologia).

O diretor geral do HGU, Vander Fernandes, disse que “as especialidades constantes dos novos programas de Residência Médica são aquelas nas quais há uma demanda reprimida de atendimento que pode ser sanada em curto espaço de tempo com a formação desses profissionais”.

HISTÓRIA – O diretor geral do HGU, Vander Fernandes, informou que a parceria do hospital com a Secretaria de Estado de Saúde começou em 2003 e que, logo depois, tiveram início cinco programas de Residência: Clínica Médica, Clinica Cirúrgica, Ginecologia Obstétrica, Pediatria e Anestesiologia.

“Para chegarmos a esse ponto, porém”, explicou o Diretor Geral, “tivemos de obter o credenciamento do Ministério da Saúde, atendendo a suas exigências de estrutura física, corpo docente e equipamento. Nas três áreas contamos com o apoio da Secretaria de Estado de Saúde (SES)”.

Em 2004 um convênio celebrado pela SES resultou no investimento de R$ 2.7 milhões no HGU para instalação de uma UTI Coronariana, um Centro Cirúrgico, uma Unidade de Transplante de Medula Óssea e um Centro de Oncologia e reforma de algumas áreas do hospital.

A Saúde do Estado também participou na composição do Corpo de Especialistas do HGU com a cedência de pessoal, segundo Vander Fernandes. “Hoje o corpo de profissionais médicos especialistas do HGU conta com 13 especialistas em Ortopedia (dos quais 10 foram cedidos pela SES), 07 especialistas em Neurocirurgia (sendo 04 cedidos pela SES), 12 especialistas em Cardiologia (com 02 sendo cedidos pela SES) e 03 cirurgiões cardiologistas”, explicou o Diretor.

Segundo Vander Fernandes, em 2008 a intermediação da SES foi imprescindível para que o HGU obtivesse, do Ministério da Saúde, o credenciamento para estabelecer Residências Médicas em Alta Complexidade, o que permitiu a instalação das bolsas para o início das novas especializações em Neurocirurgia, Cardiologia e Ortopedia/Traumatologia.





Fonte: SES-MT

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/166822/visualizar/