Repórter News - reporternews.com.br
Saúde
Segunda - 25 de Junho de 2007 às 16:01

    Imprimir


O ministro da Saúde, José Gomes Temporão, anunciou nesta segunda-feira que irá assinar com o laboratório Abbott um documento de redução voluntária do preço do medicamento Kaletra, que integra o coquetel anti-Aids. Segundo o ministro, que participa de sabatina da Folha, o acordo irá diminuir o preço do produto em 30%.

Esta seria a segunda vez que o laboratório reduz voluntariamente o preço do Kaletra --a primeira foi em 2005. A data para a assinatura do documento não foi confirmada.

Temporão afirmou que, nas últimas décadas, o governo federal diminuiu sua participação nos gastos do setor. Ele afirmou que, nos anos 80, a participação do governo federal era de 70%. Hoje, porém, ela é de 50% --outros 25% são assumidos por Estados e 25%, por municípios. "Para cada real a mais, eu vou dizer em que gastar."

O ministro afirmou que uma das prioridades da pasta é o investimento em infra-estrutura, principalmente no que diz respeito a hospitais universitários e Santas Casas.

Ministro

Mestre em saúde pública e doutor em medicina social, Temporão assumiu o Ministério da Saúde em março deste ano e já esteve no centro de pelo menos três assuntos bastante polêmicos. O primeiro deles foi a defesa da realização de um plebiscito sobre a legalização do aborto no Brasil. O outro foi a proposta de licenciamento compulsório do remédio anti-Aids Efavirenz. Por fim, o ministro defendeu restrições na publicidade de bebidas alcoólicas.

Temporão é o quarto a participar do ciclo de sabatinas da Folha neste ano. Antes dele, o jornal sabatinou o climatologista Carlos Nobre (março), o arcebispo de São Paulo, dom Odilo Scherer (abril), e o prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab (maio).





Fonte: Folha Online

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://reporternews.com.br/noticia/219877/visualizar/